Posts Tagged ‘Whitesnake

23
set
16

David Coverdale comemora 65 anos em show do Whitesnake em SP marcado pela qualidade de som ruim

Whitesnake em SP - David Coverdale - Foto: Divulgação Whitesnake/TiffanyO Whitesnake voltou a São Paulo para tocar na quinta-feira, 22 de setembro, no Citibank Hall. O show da banda britânica, com duração de aproximadamente 1h30, foi marcado pela comemoração dos 65 anos do aniversário do vocalista David Coverdale, pelo repertório repleto de hits e pela qualidade ruim do som em parte considerável da apresentação.

Para um Citibank Hall lotado e animado, o grupo trouxe o set list da “The Greatest Hits Tour”, que tem como destaque a apresentação dos maiores sucessos e canções dos álbuns “Slide it in” (1984), “Whitesnake” (1987) e “Slip of the Tongue” (1989).

A turnê do Whitesnake pelo Brasil já havia passado no dia no dia 20 em Porto Alegre no Pepsi on Stage. Tem agendada mais um show para São Paulo no dia 23 de setembro no mesmo Citibank Hall, além de apresentações no dia 25, em Belo Horizonte, no BH Hall; no dia 28, em Brasília, no Net Live; no dia 30, em Curitiba, no Live Curitiba; e, já em outubro, no dia 2, no Rio, no Metropolitan.

A noite de quinta-feira tinha todas aquelas características bacanas de shows de rock. Nos arredores do Citibank, as ruas estavam cheias, com os fãs bebendo, comendo e conversando, na expectativa de mais um show da banda britânica de extensa e elogiada carreira.

CONTINUE LENDO AQUI!!!

Anúncios
23
jun
16

Whitesnake volta ao Brasil em setembro para shows em 6 capitais

Whitesnake - Cartaz da Turnê Brasileira de 2016 - Divulgação: Time For FunSe o amante do rock n’ roll já estava economizando para os diversos shows que serão realizados no segundo semestre no País, é bom se preparar para mais alguns. Desta vez, o mais novo nome confirmado para voltar ao Brasil é o do Whitesnake, que voltará ao território nacional em setembro para shows em 6 capitais.

A banda britânica de hard rock liderada por David Coverdale tocará no dia 20 de setembro em Porto Alegre no Pepsi on Stage; nos dias 22 e 23, em São Paulo, no Citibank Hall; no dia 25, em Belo Horizonte, no BH Hall; no dia 28, em Brasília, no Net Live; no dia 30, em Curitiba, no Live Curitiba; e, já em outubro, no dia 2, no Rio, no Metropolitan.

A turnê que será trazida ao Brasil será a “The Greatest Hits Tour”, que irá apresentar os maiores sucessos e canções dos álbuns “Slide it in” (1984), “Whitesnake” (1987) e “Slip of the Tongue” (1989).

De acordo com a produtora Time For Fun, haverá pré-venda exclusiva para clientes dos cartões Citi e Diners Club entre 28 de junho e 4 de julho, e venda para público em geral a partir de 5 de julho, nos shows de São Paulo.

Clientes em geral podem adquirir ingressos a partir de 29 de junho para todos os outros shows no Brasil. Os ingressos estarão disponíveis pela internet (www.ticketsforfun.com.br), nos pontos de venda espalhados pelo País e nas bilheterias oficiais das casas

A exceção fica por conta dos shows de Brasília e Curitiba, que não têm realização da Time For Fun. Em breve, o Roque Reverso descolará as informações detalhadas sobre estas apresentações, mas, para adquirir ingressos para esses dois shows, acesse: www.eventim.com.br (Brasília) e www.diskingressos.com.br (Curitiba).

Quanto ao show de Porto Alegre, a capacidade definida para Pepsi On Stage é de 5.500 pessoas. O valor do ingresso inteiro para a Pista é de R$ 280,00 (primeiro lote) e de R$ 320,00 (segundo lote). Para a Pista Premium, os preços são de R$ 390,00 (primeiro lote) e R$ 450,00 (segundo). Para o Mezanino, o valor sai por R$ 380,00. A bilheteria oficial onde pode ser comprada a entrada sem taxa de conveniência fica na Multisom (Rua dos Andradas, 1001 – Centro).

CONTINUE LENDO AQUI!!!

13
jul
15

Rock and roll can never die! Feliz Dia Mundial do Rock!!!

Led Zeppelin em apresentação nos Anos 70 - Foto: DivulgaçãoChega até ser piegas o oportunismo de alguns veículos que nunca dão a importância merecida ao estilo musical no Dia Mundial do Rock. Quando menos se espera, é possível ver emissoras de TV ou sites com a “maior atitude”, contrastando com o que é visto no restante do ano, quando o gênero perde espaço para os funks, pagodes e axés da vida. Para nós do Roque Reverso, o rock n’ roll, é a razão de existir e, por isso, a lembrança da data é simplesmente uma obrigação.

Como sempre lembramos, respiramos o rock nos 365 dias de cada ano e sempre lutamos para que ele tenha seu merecido espaço respeitado via notícias de última hora, curiosidades, resenhas de shows e visibilidade para novas bandas brasileiras que procuram um lugar ao sol.

Em todo dia 13 de julho, também gostamos de fazer um balanço do estilo, que há alguns anos vem passando por crises criativas internacionalmente e, principalmente, no Brasil, onde os grandes nomes continuam sendo os mesmos de 30 anos atrás.

Por meio da nossa seção Drops Rock Brazuca, continuamos dando espaço a novas bandas ou a grupos que não costumam ter muita visibilidade nos grandes veículos. E é por lá que notamos que ainda há esperança do surgimento de um grande nome para dar visibilidade ao rock.

Quanto ao balanço do rock ao vivo em 2015, já tivemos importantes shows pelo Brasil e festivais que já deixaram saudades. Entre os shows, o que dizer, por exemplo, da histórica apresentação do Ministry em São Paulo, assim como a passagem do Foo Fighters pelo Brasil e, mais recentemente, o grande show que o Sepultura fez na capital paulista para comemorar os 30 anos de carreira.

Entre os festivais, o Lollapalooza 2015 ficou menos rock e mais dance, mas ainda foi possível achar coisas boas do estilo que adoramos, como as apresentações de Robert Plant e do Smashing Pumpkins.

No Monsters of Rock de 2015, o público do heavy metal mostrou, pela enésima vez, que é o mais fiel quando presenciou dinossauros da vertente mais pesada do rock, como Ozzy Osbourne, KISS, Judas Priest e Accept, só para citar os que mais chamaram atenção no festival que aconteceu em São Paulo.

Agora para o segundo semestre, o Rock in Rio deve escrever mais uma vez um capítulo na história de 30 anos de sucesso que se completam em 2015. É tão certo como é tão tradicional que não haverá somente rock no evento da capital fluminense, mas também é bem totalmente possível (e esperado) que alguns dos grandes nomes presentes no festival, como o Metallica, o Faith No More, o Slipknot, Rod Stewart, o Queens of The Stone Age e o System of a Down, venham com apresentações que serão lembradas daqui a vários anos.

Mesmo com seu atual estado de pouco prestígio no mainstream, o rock n’ roll ainda tem garantida a manutenção de um espaço justamente pela resistência de fãs que continuam consumindo música, via internet, volta do vinil ou pelo comparecimento aos caros shows que acontecem no País. E, nós, do Roque Reverso, sempre estaremos contando esta história para nossos queridos leitores.

Se alguém ainda não sabe, apesar de ter sido criado nos anos 50, o rock ganhou pra valer uma data de comemoração apenas em 1985, ano do primeiro Live Aid, concerto beneficente em prol das vítimas da fome na Etiópia realizado exatamente no dia 13 de julho daquele ano em Londres e na Filadélfia. O evento foi organizado pelo músico Bob Geldof (cantor da banda irlandesa Boomtown Rats) e teve a participação de vários astros de rock.

Para celebrar mais um Dia Mundial do Rock, o Roque Reverso descolou alguns shows que marcaram o Rock in Rio em 30 anos de história. Para começar, fique com o show do Whitesnake na primeira edição, de 1985. Depois, veja o do Faith No More, na segunda, de 1991. Na sequência, assista ao grande show de Neil Young com o Crazy Horses, de 2001; o show do Metallica em 2011 e a apresentação de Bruce Springsteen em 2013.

Rock and roll can never die! Feliz Dia Mundial do Rock!!

06
maio
15

Whitesnake lança clipe de nova versão da clássica ‘Soldier Of Fortune’, presente no álbum que fará tributo ao Deep Purple

Whitesnake - Foto: DivulgaçãoO Whitesnake lançou no dia 5 de maio mais um clipe de uma música que estará presente no novo disco da banda britânica. O vídeo da vez é da clássica canção “Soldier Of Fortune”, originalmente gravada pelo Deep Purple nos Anos 70.

O nome do álbum novo é “The Purple Album”. Está previsto para ser lançado no dia 15 de maio na Europa e no dia 19 do mesmo mês nos Estados Unidos.

Tal qual a música “Stormbringer”, cujo clipe foi veiculado no fim de fevereiro pelo grupo no YouTube, e a canção “Burn”, que também foi vista aqui no Roque Reverso,  “Soldier Of Fortune” traz o Whitesnake dando uma repaginada em mais uma música das mais badaladas do Deep Purple.

Por este detalhe, não será todo fã que aprovará a nova versão. De maneira idêntica às outras músicas já conhecidas, um fator que chama muito a atenção é a voz diferente de David Coverdale. Para muitos, mostra claramente que a idade já está fazendo diferença na performance daquele que já foi considerado uma das maiores vozes do rock.

“The Purple Album” será o décimo segundo disco de estúdio do Whitesnake. Como o próprio título indica, é um trabalho que pretende trazer reeleituras feitas pelo Whitesnake de canções do lendário Deep Purple.

As releituras são para músicas da fase que Coverdale, esteve no Deep Purple, entre 1973 e 1976. No grupo, ele cantou nos discos “Burn” (1974), “Stormbringer” (1974) e “Come Taste the Band” (1975).

No disco novo que faz o tributo ao Purple, o Whitesnake traz clássicos como a própria “Stormbringer”, “Burn”, “Soldier of Fortune”, “Might Just Take Your Life” e “Mistreated”, entre outras.

A versão em CD simples traz 13 músicas, mas uma edição de luxo que traz duas faixas bônus: “Lady Luck” e “Comin’ Home”. Os fãs ainda terão junto com o álbum um DVD com vídeos com os clipes de “Lady Double Dealer”, “Sail Away”, “Stormbringer” e “Soldier Of Fortune”, além de cenas por trás das gravações.

25
abr
15

Sem TV, Monsters of Rock 2015 vem aí! Veja horários e detalhes do festival

Monsters of Rock de 2013 na Arena Anhembi - Foto: Divulgação/MRossiVai começar a edição de 2015 do Monsters of Rock! Com uma escalação que não deve nada a grandes festivais de heavy metal do planeta, o evento brasileiro tem início neste sábado, dia 25 de abril, e termina amanhã, dia 26, na cidade de São Paulo, na sempre questionada Arena Anhembi.

Diferente da edição de 2013, que contou com transmissão ao vivo por canais fechados de TV, o Monsters de 2015 não passará em nenhuma emissora. Pelo menos é esta a informação oficial dos produtores até o fechamento deste texto.

Canais que tradicionalmente mostram shows ao vivo, como o BIS e o Multishow, desta vez, vão ignorar um evento que terá como headliners simplesmente Ozzy Osbourne (25) e o KISS (26), sem contar atrações do calibre de um Judas Priest (que tocará nos dois dias!) e de um Motörhead, só para citar os mais badalados.

Quem perde é somente o rock e aquele fã que não poderá estar em São Paulo para prestigiar o grande festival. Num momento no qual o estilo sofre com o pequeno número de novidades interessantes e marcantes, esta ausência na TV só atrapalha ainda mais. Há promessas de fãs que tentarão fazer transmissão por celulares por redes sociais, mas nunca será a mesma coisa.

O Roque Reverso estará nos dois dias do festival e tentará trazer informações rápidas via Twitter ou pelo Facebook. Nos dias seguintes ao festival, o leitor deste veículo terá algumas resenhas dos shows e outros detalhes, como o set list das apresentações, além de fotos e vídeos.

Para quem ainda pretende ir ao Monsters of Rock 2015, ainda há ingressos, mas é bom preparar o bolso, pois as entradas restantes são daquelas de terceiro lote já bem salgadas. Os preços atuais da entrada inteira são de R$ 700,00 (Monsters Pass válido para 2 dias) e de R$ 400,00 (ingresso para único dia). A bilheteria oficial funciona nos dias 25 e 26 de abril, no Portão 21, das 9 horas às 21 horas.

Edições anteriores

As três primeiras edições do Monsters of Rock no Brasil aconteceram em 1994, 1995 e 1996 no Estádio do Pacaembu. Em 1998, o festival foi realizado na pista de atletismo do Ibirapuera. Em 2013, na Arena Anhembi.

A primeira edição, em 1994, trouxe quatro bandas nacionais (Angra, Dr. Sin, Viper e Raimundos) e quatro internacionais (Suicidal Tendencies, Black Sabbath, Slayer e KISS).

Na edição de 1995, o número de atrações aumentou. A única banda nacional foi o Virna Lisi. Já entre o nomes internacionais, os representantes foram Rata Blanca, Clawfinger, Paradise Lost, Therapy?, Megadeth, Faith No More, Alice Cooper e Ozzy Osbourne.

Na edição de 1996, o grupo Raimundos foi o único brasileiro. Na parte internacional, os nomes foram Heroes del Silencio, Mercyful Fate, King Diamond, Helloween, Biohazard, Motörhead, Skid Row e Iron Maiden.

O Monsters de 1998 também trouxe grande número de atrações. Entre os brasileiros, os representantes foram o Dorsal Atlântica e o Korzus. Do lado internacional, Glenn Hughes foi o primeiro a tocar, seguido por Savatage, Saxon, Dream Theater, Manowar, Megadeth e Slayer.

Em 2013, o Monsters retornou para matar as saudades dos fãs e foi realizado na Arena Anhembi. Os headliners do ano retrasado foram o Slipknot, que fechou o primeiro dia, e o Aerosmith, que encerrou o segundo dia do evento. Destaque também para outros grandes shows, como os do Whitesnake e do Ratt. O festival também contou com as apresentações do Queensrÿche, do Korn e do Limp Bizkit e surpreendeu pela qualidade sonora na sempre questionada Arena Anhembi.

Detalhes de 2015

No Monsters de 2015, haverá Food Trucks, lanchonetes e bares dentro do local do show, onde serão vendidos sanduíches, pastéis, crepes, batatas e outros alimentos e bebidas como refrigerante, água e cerveja. Todos poderão ser comprados com cartões de débito e crédito.

Lojas com temas relacionados ao rock também marcarão presença no festival. Entre elas, estará a lendária Woodstock, além da Black Rock.

Em relação ao transporte público, a estação de Metrô mais próxima da Arena Anhembi é Portuguesa-Tietê, cerca de 1,5 Km do local. Para manter uma tradição “sensacional” do governo do Estado, não haverá esquema especial voltado ao festival.

Muito pelo contrário: para “ajudar”, no domingo, as estações Luz e República, da Linha 4-Amarela, permanecerão fechadas durante todo o dia para a execução de obras na estação Higienópolis-Mackenzie. A dica para quem estiver saindo da Arena Anhembi é correr assim que os últimos shows terminarem.

Quanto aos ônibus, há várias linhas no horário normal:

– 278A Ceasa/Penha – Funcionamento até à 01h00
– 106/10 Metrô Santana/Itaim Bibi – Funcionamento até à 01h00
– 107p/10 Mandaqui/Pinheiros – Funcionamento até à 01h00
– 1301/10 Terminal Casa Verde/Praça do Correio – Funcionamento até 01h00
– 9717/10 Jardim Almanara/Santana – Funcionamento até a 01h00
– 138Y Metrô Barra Funda /Casa Verde Alta – Funcionamento até à 01h00
– 148P Lapa/Jardim Per – Funcionamento até 00h15
– 1732 Metrô Santa Cecília/Vila Sabrina – Funcionamento até 00h20
– 175P Ana Rosa/Edu Chaves – Funcionamento até 00h50
– 177H Butantã USP/Metrô Santana – Funcionamento até 00h55
– 177Y Pinheiros/Casa Verde – Funcionamento até às 23h50
– 178L Hospital das Clínicas/Lauzane Paulista – Funcionamento até 00h55
– 967A Pinheiros/Imirim – Funcionamento até 00h20
– 8538 Praça do Correio/Freguesia do Ó – Funcionamento até 01h00
– 9166 Praça do Correio/Jardim Santa Cruz – Funcionamento até 00h55
– 9301 Paissandu/Terminal Casa Verde – Funcionamento até 00h40
– 9352 Terminal Correio/Pedra Branca – Funcionamento até 00h15
– 175T/10 Metrô Santana/Metrô Jabaquara – Funcionamento até à 01h00
– 178/10 Imirim/Lapa – Funcionamento até à 01h00
– 701U/10 Jaçanã/Butantã-USP – Funcionamento até à 01h00
– 9717/10 Jardim Almanara/Santana – Funcionamento até à 01h00
– 1177/10 Terminal A.E. Carvalho/Est. da Luz – Funcionamento. até à 01h00
– 138Y/10 Casa Verde/Metrô Barra Funda – Funcionamento até à 01h00
– 175p/10 Edu Chaves/Metrô Ana Rosa – Funcionamento até à 01h00
– 177H/10 Metrô Santana/Butantã – Funcionamento até à 01h00
– 177Y/10 Casa Verde/Pinheiros – Funcionamento até à 01h00
– 9166/10 Jardim Santa Cruz/Praça do Correio – Funcionamento até à 01h00
– 9354/10 Nsa. Sra. De Fátima/Term. Correio – Funcionamento até à 01h00

Após a 1 hora da manhã, há as seguintes linhas:

– 1721/51 – Vila Ede/Praça do Correio
– 1728/51 – Jardim Brasil/Praça do Correio
– 174/51 – Vila Dionísia/Terminal Amaral Gurgel
– 1767/51 – Edu Chaves/Praça do Correio
– 1778/51 – Jaçanã/Praça do Correio
– 1783/52 – Cachoeira/Praça do Correio
– 971X/51 – Terminal Cachoeirinha/Terminal Amaral Gurgel

Em relação aos táxis, estão credenciados mais de 2.000 veículos. Eles estarão estacionados no bolsão ao longo da Avenida Olavo Fontoura. Mas fique atento aos preços, pois tem sempre aquele cara que aproveita o caos para levar vantagem.

Horários dos shows

25/4/2015 – Sábado

12h00 – De La Tierra
13h05 – Primal Fear
14h20 – Coal Chamber
15h50 – Rival Sons
17h20 – Black Veil Brides
18h50 – Motörhead
20h40 – Judas Priest
22h30 – Ozzy Osbourne

26/0/2015 – Domingo

12h15 – Dr Phoebes
13h05 – Steel Panther
14h20 – Yngwie Malmsteen
15h50 – Unisonic
17h20 – Accept
18h50 – Manowar
20h40 – Judas Priest
22h30 – Kiss

12
abr
15

Veja os horários de cada atração do Monsters of Rock 2015

Monsters of Rock - Cartaz de DivulgaçãoA sexta edição do Monsters of Rock brasileiro será realizada nos dias 25 e 26 de abril na cidade de São Paulo e os horários de cada atração já são conhecidos. Segundo os organizadores do festival, o evento que será realizado na Arena Anhembi tem os shows dos headliners Ozzy Osbourne (25) e KISS (26) agendados para as 22h30.

O Judas Priest, que é a banda convidada especial para os dois dias de festival, tocará às 20h40. No dia 25, a antepenúltima atração, o Motörhead, começará o show às 18h50, mesmo horário do início da apresentação do Manowar no dia seguinte.

O horário das 17h20 está reservado no dia 25 para o Black Veil Brides e, no dia 26, para o Accept.

A partir das 15h50, tocam o Rival Sons no primeiro dia e Unisonic no domingo. O horário das 14h20 terá o Coal Chamber no sábado e Yngwie Malmsteen no dia seguinte.

Às 13h50, é a vez do Primal Fear no dia 25, que terá De La Tierra às 12 horas. O Steel Panther toca no dia 26 às 13h05. Antes, no mesmo dia, toca o Dr. Pheabes.

Os ingressos já estão no terceiro lote, tanto o Monsters Pass, que é válido para os dois dias do festival, como a entrada para um único dia. Podem ser comprados no site Ingresso Rápido.

Uma opção de venda sem taxa de conveniência em ponto físico é a Loja da Fnac em Pinheiros, na capital paulista. Há outros pontos aqui espalhados.

Os preços atuais da entrada inteira são de R$ 700,00 (Monsters Pass) e de R$ 400,00 (ingresso para único dia).

Uma ótima notícia é que não haverá a famigerada Pista Vip! Desde o dia 11 de janeiro, as compras podem ser feitas em 3 vezes sem juros.

As três primeiras edições do Monsters of Rock no Brasil aconteceram em 1994, 1995 e 1996 no Estádio do Pacaembu. Em 1998, o festival foi realizado na pista de atletismo do Ibirapuera. Em 2013, na Arena Anhembi.

A primeira edição, em 1994, trouxe quatro bandas nacionais (Angra, Dr. Sin, Viper e Raimundos) e quatro internacionais (Suicidal Tendencies, Black Sabbath, Slayer e KISS).

Na edição de 1995, o número de atrações aumentou. A única banda nacional foi o Virna Lisi. Já entre o nomes internacionais, os representantes foram Rata Blanca, Clawfinger, Paradise Lost, Therapy?, Megadeth, Faith No More, Alice Cooper e Ozzy Osbourne.

Na edição de 1996, o grupo Raimundos foi o único brasileiro. Na parte internacional, os nomes foram Heroes del Silencio, Mercyful Fate, King Diamond, Helloween, Biohazard, Motörhead, Skid Row e Iron Maiden.

O Monsters de 1998 também trouxe grande número de atrações. Entre os brasileiros, os representantes foram o Dorsal Atlântica e o Korzus. Do lado internacional, Glenn Hughes foi o primeiro a tocar, seguido por Savatage, Saxon, Dream Theater, Manowar, Megadeth e Slayer.

Em 2013, o Monsters retornou para matar as saudades dos fãs e foi realizado na Arena Anhembi. Os headliners do ano retrasado foram o Slipknot, que fechou o primeiro dia, e o Aerosmith, que encerrou o segundo dia do evento. Destaque também para outros grandes shows, como os do Whitesnake e do Ratt. O festival também contou com as apresentações do Queensrÿche, do Korn e do Limp Bizkit e surpreendeu pela qualidade sonora na sempre questionada Arena Anhembi.

25
mar
15

Whitesnake libera faixa ‘Burn’, presente no álbum novo que fará tributo ao Deep Purple

Whitesnake - Foto: DivulgaçãoO Whitesnake liberou no YouTube a faixa “Burn”, que estará presente no novo disco da banda “The Purple Album”, previsto para ser lançado no dia 15 de maio na Europa e no dia 19 do mesmo mês nos Estados Unidos.

Tal qual a música “Stormbringer”, cujo clipe foi veiculado no fim de fevereiro pelo grupo no YouTube, “Burn” traz o Whitesnake dando uma repaginada no clássico do Deep Purple e tende a fazer muita gente torcer o nariz, justamente porque mexe com algumas daquelas gravações sagradas do rock.

De imediato, dá para notar um tom mais grave das guitarras do que na tradicional faixa do Purple.

Outro detalhe é que o vocal de Coverdale, tal qual já foi observado em “Stormbringer” está diferente e, para muitos, mostra claramente que a idade já está fazendo diferença na performance daquele que já foi considerado uma das maiores vozes do rock.

“The Purple Album” será o décimo segundo disco de estúdio do Whitesnake. Como o próprio título indica, é um trabalho que pretende trazer reeleituras feitas pelo Whitesnake de canções do lendário Deep Purple.

As releituras são para músicas da fase que Coverdale, esteve no Deep Purple, entre 1973 e 1976. No grupo, ele cantou nos discos “Burn” (1974), “Stormbringer” (1974) e “Come Taste the Band” (1975).

No disco novo que faz o tributo ao Purple, o Whitesnake traz clássicos como a própria “Stormbringer”, “Burn”, “Soldier of Fortune”, “Might Just Take Your Life” e “Mistreated”, entre outras.

A versão em CD simples traz 13 músicas, mas uma edição de luxo que traz duas faixas bônus: “Lady Luck” e “Comin’ Home”. Os fãs ainda terão junto com o álbum um DVD com vídeos com os clipes de “Lady Double Dealer”, “Sail Away”, “Stormbringer” e “Soldier Of Fortune”, além de cenas por trás das gravações.

Escute abaixo o Whistesnake tocando “Burn”:




Se você tem interesse na divulgação da sua empresa, seu trabalho ou banda, o Roque Reverso é um veículo que possui um respeitável número de leitores. Entre em contato conosco para conhecer nossos diversos planos:  roquereverso@hotmail.com

Siga o Roque Reverso no Instagram!!!

Anthrax em São Paulo em novembro de 2017
#roquereverso  #tombrasil  #anthrax #scottian Accept em São Paulo em novembro de 2017
#roquereverso  #tombrasil  #accept Accept em São Paulo em novembro de 2017
#roquereverso  #tombrasil  #accept Accept em São Paulo em novembro de 2017
#roquereverso  #tombrasil  #accept Accept em São Paulo em novembro de 2017
#roquereverso  #tombrasil  #accept Anthrax em São Paulo em novembro de 2017
#roquereverso  #tombrasil  #anthrax #charbenante

Preencha abaixo para receber atualizações do nosso blog em primeira mão e gratuitamente pelo seu e-mail! Não se esqueça de confirmar o recebimento do e-mail depois.

Junte-se a 89 outros seguidores

novembro 2017
D S T Q Q S S
« out    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Arquivos

Roque Reverso no Twitter

Categorias

O Roque Reverso está no ar!!!

Seja bem-vindo ao blog do rock and roll! Clique para acessar o post de abertura do blog!

Post inicial

SOBRE VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

SOBRE OS VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE