Posts Tagged ‘Nirvana



25
mar
13

Queens of The Stone Age define nome do novo álbum e libera imagem e trechos de músicas

Imagem misteriosa divulgada pelo QoTSAO Queens of The Stone Age definiu o nome do novo álbum que lançará em junho. “…Like Clockwork” sairá pela nova gravadora da banda norte-americana, a Matador Records.

Além da definição do nome, o grupo liberou a imagem que pode ser vista ao lado e gerou suspeitas de que ela tende a ser a capa do novo trabalho.

O QoTSA também soltou uma série de trechos das músicas que estarão no disco.

“…Like Clockwork” está sendo bastante aguardado por crítica e público, já que contará com Dave Grohl de volta à bateria na gravação do disco.

Além dele, estão previstas as participações de nomes fortes da música, como Elton John, Trent Reznor (Nine Inch Nails), Mark Lanegan (Screaming Trees), que também já gravou com a banda, além do ex-baixista do QoTSA, Nick Oliveri.

A volta do ex-Nirvana ao Queens of The Stone Age nas gravações do novo disco vem alimentando cada vez mais alguns boatos de internet de que ele poderá vir com o grupo para tocar no Lollapalooza 2013. O QoTSA é um dos nomes principais escalados para tocar no festival, em São Paulo, nos dias 29, 30 e 31 de março.

Ouça abaixo os trechos de música liberados pela banda na internet:

03
fev
13

Soundgarden lança clipe com direção de Dave Grohl

O Soundgarden lançou no final de janeiro mais um clipe do seu mais recente álbum “King Animal”, de 2012. O novo vídeo, da música “By Crooked Steps”, conta com a direção do onipresente Dave Grohl, que, desde que deu um tempo no Foo Fighters, não parou de aparecer em contribuições das mais variadas no meio musical.

“By Crooked Steps” é a segunda música de trabalho de “King Animal”.

A primeira foi a ótima “Been Away Too Long”, que saiu como single em setembro do ano passado e também contou com um clipe bem interessante liberado em novembro no YouTube.

Veja abaixo o mais novo clipe do Soundgarden:

13
dez
12

Paul McCartney toca música inédita com ex-integrantes do Nirvana no concerto 12-12-12 nos EUA

O mundo viu na quarta-feira, 12 de dezembro, um concerto histórico que angariou fundos para as vítimas da tempestade Sandy, que passou pelos EUA há pouco mais de um mês e meio. Direto do Madison Square Garden, em Nova York, uma penca de músicos se apresentou durante quase 6 horas para uma audiência de cerca de 2 bilhões de pessoas que assistiram a tudo pela TV ou pela internet no concerto chamado “12-12-12 – The Concert for Sandy Relief”.

Dentre todas as atrações, a que mais provocou ansiedade foi a reunião do ex-beatle Paul McCartney com ex-integrantes do Nirvana. Tal qual foi prometido, ele se apresentou ao lado de Dave Grohl (bateria), Krist Novoselic (baixo) e Pat Smear (guitarra).

O momento foi curto, mas valeu a pena ver esta reunião. Os quatro decidiram tocar apenas uma música inédita que foi feita durante as jams sessions do evento. “Cut Me Some Slack” trouxe um som bem interessante, com destaque para a energia de Dave Grohl na bateria. A canção, por sinal, deve fazer parte do documentário “Sound City”, que o líder do Foo Fighters lançará em janeiro de 2013.

Não foi somente este encontro que mereceu destaque. O show também contou com outras parcerias interessantes, como a de Bruce Springsteen com Jon Bon Jovi. Eles se uniram para executar a clássica “Born to Run”.

No concerto, o líder do Pearl Jam Eddie Vedder e o ex-Pink Floyd Roger Waters cantaram a belíssima “Comfortably Numb”. Além dela, “Losing My Religion” foi tocada por Chris Martin (Coldplay) e Michael Stipe (ex-R.E.M.).

Outro grupo que apareceu para uma palhinha foi simplesmente o que completa 50 anos em 2012. Os Rolling Stones vieram ao palco com “You Got Me Rocking” e “Jumpin’ Jack Flash”.

Veja abaixo a música de Paul e o Nirvana, no grande momento descolado no YouTube:

06
nov
12

Dave Grohl deverá voltar a tocar bateria no Queens of The Stone Age no disco novo da banda

Se você pensava que ficaria sem ver Dave Grohl por algum tempo no meio musical, enganou-se redondamente. O líder do Foo Fighters, que anunciou em outubro uma pausa por um tempo indeterminado da banda, deverá ser o baterista do novo disco do Queens of The Stone Age, previsto para ser lançado em 2013. A informação foi dada por ninguém menos que Josh Homme, vocalista e dono do QoTSA. Em entrevista à britânica BBC Radio 1, ele disse que o ótimo baterista Joey Castillo deixou o grupo e que considerava Grohl “o único homem” para a gravação do novo trabalho.

É o retorno de Grohl ao QoTSA, já que ele gravou o sensacional “Songs for the Deaf”. O álbum, lançado em 2002, é considerado o melhor da banda de Josh Homme por muitos fãs.

Não foi somente no Queens of The Stone Age que Grohl e Homme tocaram juntos. Eles também formaram, ao lado de ninguém menos que John Paul Jones (baixista do Led Zeppelin), o elogiado projeto Them Crooked Vultures.

Além da entrevista de Josh Homme à BBC Radio 1, as páginas do QoTSA no Twitter e no Facebook vieram recentemente com fotos que traziam o nome “Dave” na mesa de som do estúdio da banda.

A volta do ex-Nirvana ao Queens of The Stone Age deve trazer coisa boa aos fãs. Fica a torcida também para que ele venha ao Lollapalooza 2013, já que o grupo é um dos nomes principais escalados para tocar no festival, em São Paulo, em março do ano que vem.

03
out
12

Dave Grohl confirma pausa do Foo Fighters por um tempo

Após um série de especulações da imprensa norte-americana, está confirmada a pausa do Foo Fighters por um tempo indeterminado. O término dos rumores foi definido na terça-feira, dia 2 de outubro, pelo próprio vocalista, guitarrista e líder, Dave Grohl, na página da banda norte-americana no Facebook. Por meio de uma nota em tom de despedida, ele agradeceu o apoio dos fãs, escreveu que não tem certeza sobre quando o grupo vai se apresentar novamente e avaliou que isso será bom para todos os componentes do conjunto musical.

No sábado, dia 29 de setembro, após um show em Nova York, Grohl já havia afirmado que aquela era a última apresentação do grupo em algum tempo. E que não sabia quando haveria outra. Para quem achou que aquilo era uma simples brincadeira ou jogo de cena para comover os fãs, agora não resta dúvida sobre as intenções do músico e seus companheiros de banda.

“Sim… eu estava falando sério. Eu não tenho certeza quando o Foo Fighters vai tocar novamente. É estranho dizer isso, mas é uma coisa boa para todos nós dar uma afastada por um tempo”, escreveu Dave Grohl no Facebook. “Essa é uma das razões pelas quais ainda existimos. Tem sentido? Eu nunca quero NÃO estar nessa banda. Então, às vezes é bom somente… colocá-la de volta na garagem por uns tempos…”, acrescentou.

Se a pausa já é algo certo, o fim definitivo do grupo não é uma coisa clara. Tudo porque Grohl fez uma série de elogios à banda e disse aos fãs que ela é praticamente tudo em sua vida.

“Nunca, nos meus sonhos mais malucos, eu imaginaria que o Foo Fighters chegaria tão longe. Nunca achei que a gente PODERIA chegar tão longe, para ser honesto. Em alguns momentos, não achei que a banda fosse sobreviver”, destacou o músico. “Em alguns momentos, eu quis desistir. Mas… não posso desistir dessa banda. E nunca irei. Porque não é somente uma banda para mim. É minha vida. É minha família. É meu mundo”, assegurou.

Segundo a nota, Grohl pretende terminar o seu documentário e disco “Sound City para um lançamento mundial em “um futuro muito próximo”. “Faz um ano que estou nisso e poderá ser o projeto maior e mais importante em que já trabalhei. Se preparem… está chegando”, avisou.

Quem achava que o Foo Fighters seria um simples projeto para Dave Grohl permanecer na música após o fim do Nirvana teve uma surpresa e tanto com o passar do tempo. Após quase duas décadas de existência, o grupo pode ser considerado um dos poucos que conseguiu manter a essência do rock neste tão fraquinho Século XXI.

Os brasileiros tiveram a sorte de presenciar dois grandes momentos do Foo Fighters. O primeiro em 2001, quando os norte-americanos fizeram um dos melhores shows do Rock in Rio. O segundo agora em 2012, quando a cidade de São Paulo recebeu a banda como atração principal do festival Lollapalooza.

Resta agora saber se a pausa do Foo Fighters é algo que durará um bom tempo mesmo ou se, de uma hora para outra, Dave Grohl & Cia. não aparecem com alguma surpresa boa para os fãs. A ver…

Para homenagear esta grande banda, o Roque Reverso descolou dois vídeos no YouTube que mostram o Foo Fighters no Brasil. O primeiro traz o grupo executando “Breakout” no Rock in Rio, para nada menos que 170 mil pessoas, num verdadeiro batismo de fogo, inesquecível para quem estava lá. O segundo mostra os norte-americanos no Lollapalooza para uma plateia menor, mas não menos empolgada, em mais um momento histórico, com “All My Life”.

 

08
abr
12

Set list, fotos e vídeos do grande show do Foo Fighters no Lollapalooza em SP

Depois de uma espera de anos dos fãs, o Foo Fighters finalmente se apresentou novamente no Brasil. A banda foi a atração maior do Lollapalooza 2012, festival que, pela primeira vez, foi realizado em solo nacional. Para um público estimado de 75 mil pessoas, o grupo norte-americano liderado pelo ex-Nirvana Dave Grohl fez a alegria da plateia no Jockey Club de São Paulo, no dia 7 de abril, com um grande número de sucessos da carreira e, claro, com canções do mais recente álbum “Wasting Light”, lançado em 2011.

Foi a primeira vez que a banda veio a São Paulo. Antes, a única passagem do Foo Fighters pelo País havia sido no Rock in Rio de 2001, quando o grupo fez, na mesma noite que contou com o grande R.E.M., um show energético e histórico para 190 mil pessoas, com direito a Grohl comemorando o aniversário em pleno palco.

Perto de outros festivais recentes, como o SWU e o Rock in Rio de 2011, o line-up do Lollapalooza é bem mais modesto. No dia da apresentação do Foo Fighters, o que mais parecia era que várias bandas estavam abrindo para o grupo num show comum.

Durante a apresentação do Foo Fighters, a velha garra e dedicação ao rock de Dave Grohl foi mantida. O vocalista, por sinal, em vários momentos teve que se desdobrar para sanar seus problemas recentes de voz em algumas músicas.

“All My Life” foi a música de abertura e contou com Grohl correndo pela passarela que seguia para o meio do público. Depois dela, muitos hits da banda, como “My Hero”, “Learn to Fly”, “White Limo”, “Breakout”, “Big Me” e “Walk”, entre outros sucessos.

Em “Cold Day in the Sun”, Grohl foi para o instrumento que o consagrou no Nirvana, enquanto o ótimo baterista Taylor Hawkins foi para os microfones. Hawkins também cantou “In the Flesh?” depois, do Pink Floyd, mas tocando seu instrumento ao mesmo tempo, em outro grande momento da apresentação.

No final da primeira parte do show, o Foo Fighters executou “Best of You” e o público, após uma ação de flash mob, levantou cartazes com o grito “Oh”, que faz parte da música, para admiração de Grohl, que fez questão de elogiar a plateia.

No intervalo, enquanto a plateia gritava pela volta da banda, os telões mostravam a banda nos camarins, numa bela sacada. Para aumentar o suspense daqueles que não conheciam o set list, Grohl brincava com o público, fazendo gestos de que tocaria só mais uma, duas ou três músicas. A plateia, claro, queria sempre mais e acabou tendo isso na sequência.

Na metade do bis, um grande momento foi a participação da clássica roqueira Joan Jett, que executou duas de suas músicas: “Bad Reputation” e o hino “I Love Rock ‘n’ Roll”.

Antes de terminar o show com “Everlong”, Dave Grohl pediu desculpas a São Paulo por ter demorado tanto tempo para tocar na cidade. Mas do que isso, prometeu que não demoraria novamente tanto para voltar à capital paulista.

Para relembrar alguns dos grandes momentos do show do Foo Fighters no Lollapalooza, o Roque Reverso manteve a tradição de descolar vídeos no YouTube de presente para os fãs. Para começar, fiquem com “All my Life”. Depois, veja “Walk” e o encontro histórico do grupo com a grande Joan Jett em “Bad Reputation” e “I Love Rock ‘n’ Roll”. Se quiser ver o show na íntegra, há aqui a opção também no YouTube.

Set list

All My Life
Times Like These
Rope
The Pretender
My Hero
Learn to Fly
White Limo
Arlandria
Breakout
Cold Day in the Sun
Long Road to Ruin
Big Me
Stacked Actors
Walk
Generator
Monkey Wrench
Hey, Johnny Park!
This is a Call
In the Flesh?
Best of You

Enough Space
For All the Cows
Dear Rosemary
Bad Reputation
I Love Rock ‘n’ Roll
Everlong

21
fev
11

Foo Fighters divulga nome de disco novo e clip com Lemmy do Motörhead

A semana passada foi repleta de novidades para os fãs do Foo Fighters. A banda liderada por Dave Grohl informou que “Wasting Light” será o nome do seu sétimo álbum de estúdio, previsto para ser lançado no dia 12 de abril. Além do título, o grupo divulgou o nome das 11 faixas que farão parte do novo trabalho, que está sendo produzido por nada menos que Butch Vig, conhecido por parcerias com Nirvana e Garbage.

A notícia está entre aquelas que foram divulgadas durante o período de viagem de férias deste blogueiro, mas o Roque Reverso não deixaria passar em branco o conjunto de detalhes deste álbum que está sendo bastante esperado pelos fãs. Outra novidade importante relacionada ao álbum é que o primeiro single, “Rope”, será lançado em 1º de março.

Para completar e deixar os fãs ainda mais ansiosos, o Foo Fighters liberou o vídeo da música “White Limo” no YouTube. O clipe conta com a participação de nada menos que Lemmy Kilmister, líder do Motörhead, dirigindo uma limusine branca. E, se o álbum for parecido com esta música, vai agradar aqueles que gostam de um rock mais pesado.

Veja abaixo a lista de faixas do novo álbum do Foo Fighters e o clipe descolado no YouTube:

1 – Bridge Burning
2 – Rope
3 – Dear Rosemary
4 – White Limo
5 – Arlandria
6 – These Days
7 – Back & Forth
8 – A Matter Of Time
9 – Miss The Misery
10 – I Should Have Known
11 – Walk

06
jan
10

A volta do Soundgarden

É aquela história que vem sendo repetida a cada ano: o cenário do rock está cada vez mais carente de bandas novas criativas, o saudosismo impera e bandas que já haviam encerrado as atividades decidem voltar para aproveitar o enorme espaço e, claro, levantar uns trocos para bancar a cerveja e a vida de astro pop que conseguiram conquistar em algum momento da carreira.

Em 2010 é a vez do Soundgarden, grande banda de Seattle que fez a cidade norte-americana virar o centro das atenções da música no mundo na década de 90, ao lado do Nirvana, do Pearl Jam e do Alice in Chains.

O anúncio do retorno foi feito pelo o vocalista Chris Cornell em seu Twitter logo no primeiro dia do ano. A banda norte-americana, que acabou em 1997, já havia dado pistas em seu site oficial (http://www.soundgardenworld.com) sobre a retomada de suas atividades: “A pausa de 12 anos acabou e a escola voltou a funcionar.”

O som da banda sempre foi mais pesado que o do Nirvana e o do Pearl Jam e, da mesma maneira que o do Alice in Chains, sempre teve ligação e influência do heavy metal/hard rock, com pitadas claras de riffs e pegadas no estilo Black Sabbath.

O Soundgarden gravou 5 discos, sendo que os maiores destaques ficaram por conta dos ótimos “Badmotorfinger”, de 1991, e “Superunknown”, de 1994. O Roque Reverso traz exatamente duas músicas destes álbuns em vídeos aproveitados do Youtube. A primeira, do álbum de 1991, é a pesada “Jesus Christ Pose”. A segunda, do disco de 1994, é a mais tranquila “Black Hole Sun”.

 Confira e dê sua opinião sobre a volta do Soundgarden!

 




Se você tem interesse na divulgação da sua empresa, seu trabalho ou banda, o Roque Reverso é um veículo que possui um respeitável número de leitores. Entre em contato conosco para conhecer nossos diversos planos:  roquereverso@hotmail.com

Siga o Roque Reverso no Instagram!!!

Preencha abaixo para receber atualizações do nosso site em primeira mão e gratuitamente pelo seu e-mail! Não se esqueça de confirmar o recebimento do e-mail depois.

Junte-se aos outros seguidores de 102

agosto 2020
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Arquivos

Roque Reverso no Twitter

Bandas, estilos, festivais, etc

O Roque Reverso está no ar!!!

Seja bem-vindo ao blog do rock and roll! Clique para acessar o post de abertura do blog!

Post inicial

SOBRE VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

SOBRE OS VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

Categorias

Follow Roque Reverso << on WordPress.com