Author Archive for

04
out
19

Em noite eclética no Rock in Rio, Red Hot mescla ousadia com tradição; Nile Rodgers dá aula e faz povo dançar

O Red Hot Chili Peppers mesclou ousadia e tradição em seu repertório para fechar aquela que foi provavelmente a noite mais eclética e dançante do Rock In Rio de 2019 até o momento. Este foi o cenário da quinta-feira, 3 de outubro, tanto no Palco Mundo como no Palco Sunset do festival fluminense.

O dia começou com uma série de apresentações não atendidas pela área de cobertura do Roque Reverso, mas nem por isso menos valiosas.

CONTINUE LENDO AQUI!!!

01
out
19

Rock dá o ar da graça com Bon Jovi, Dave Matthews e Goo Goo Dolls no domingo de Rock in Rio

O rock deu um pouco do ar de sua graça na noite do primeiro domingo do Rock In Rio de 2019. Nada lá muito pesado, mas o suficiente pra fechar em alto astral o primeiro fim de semana do festival.

Depois de bastante música brasileira pelos palcos do Rock In Rio, com destaque para ícones como Elza Soares e Alcione, o Goo Goo Dolls levou ao público um pop rock honesto e sem muita frescura na noite do domingo, 29 de setembro.

A banda fez um ótimo show, apesar de ter mostrado que segue refém do álbum “Dizzy Up The Girl”, de 1998.

CONTINUE LENDO AQUI!!!

30
set
19

Apoteótico, Foo Fighters fecha primeira noite roqueira do Rock In Rio com chave de ouro

O Foo Fighters fechou com chave de ouro a primeira noite de rock do Rock In Rio de 2019, que contou com pedido de casamento no palco e um line-up animado cujo único ponto fora da curva foi o show do Weezer.

Os paulistanos do Ego Kill Talent abriram o dia com um show corajoso, animando o público mesmo com a maioria dos presentes parecendo não conhecer as músicas da banda. O público foi ao delírio quando Bob Burnquist, lenda do skate mundial, prestigiou a banda de cima do palco.

CONTINUE LENDO AQUI!!!

27
jul
19

40 anos do álbum ‘Highway to Hell’, obra-prima do AC/DC e o último com Bon Scott

O AC/DC dos tempos de Bon Scott dispunha de um certo dom premonitório. Quem escolhesse o rock n’roll teria um longo a percorrer caminho se quisesse chegar ao topo, já cantava a banda desde dezembro 1975, data de lançamento de seu segundo disco, “T.N.T.”.

Dinamite pura. Pé na porta. Desde “High Voltage”, o AC/DC abria seu caminho rumo ao estrelato sem pedir licença. Depois de cinco álbuns de estúdio, a banda australiana lançaria em 1978 seu primeiro registro oficial ao vivo, “If You Want Blood”.

É um petardo depois de outro, sem trégua. Trata-se de um dos melhores discos ao vivo da história do rock como um todo, e provavelmente o melhor da história do hard rock.

CONTINUE LENDO AQUI!!!

22
jun
19

‘Houses of the Holy’: a malícia está nos olhos de quem vê

A notícia da semana no mundo do rock extrapolou o bom senso. A rede social Facebook baniu publicações contendo a capa do clássico álbum “Houses of the Holy”, do Led Zeppelin, pela delirante razão de apologia à pedofilia. A empresa voltou atrás alguns dias depois, mas quando isso aconteceu diversos usuários relataram terem sido banidos de postar na rede social por terem compartilhado a publicação, que teve como origem a página Ultimate Classic Rock, com mais de 1 milhão de seguidores.

Para quem não conhece, ou não se lembra, a capa de “Houses of the Holy” traz uma montagem fotográfica na qual duas crianças nuas sobem a chamada Calçada dos Gigantes, uma deslumbrante formação rochosa natural situada na Irlanda do Norte, sob um céu alaranjado.

CONTINUE LENDO AQUI!!!

08
ago
18

Foto dá origem a fofocas sobre retorno do AC/DC

Reprodução de foto do The Georgia Straight publicada no TwitterA Editoria de AC/DC do Roque Reverso acaba de ser acionada para noticiar uma fofoca de última hora: Brian Johnson e Phil Rudd foram fotografados aos risos e de caneca na mão no fumódromo de um estúdio no Canadá.

Como se duas pessoas que tocaram juntas por décadas não possam tirar uma onda onde bem entenderem.

Tudo bem, não é um estúdio qualquer. Trata-se do Warehouse Studios, em Vancouver, onde o AC/DC gravou seus últimos três discos de estúdio: “Stiff Upper Lip” (2000), “Black Ice” (2008) e “Rock Or Bust” (2014).

CONTINUE LENDO AQUI!!!

26
jun
18

50 anos do disco de estreia do grupo Os Mutantes

"Os Mutantes" - Reprodução da Capa do disco de estreiaUm mito de música mundial completa meio século sem que se dê a ele a devida atenção. “Os Mutantes”, disco de estreia da banda homônima formada por Arnaldo Baptista, Rita Lee e Sérgio Dias, foi lançado em junho de 1968 para deflagrar uma revolução musical que extrapolou as fronteiras brasileiras.

Tropicalismo, roquenrow e psicodelia vêm sob medida para colocar a produção cultural brasileira do período na vanguarda mundial, desbancando ao menos momentaneamente os estereótipos vigentes, e dando início a uma trajetória sólida cujas influências se fariam presentes tanto na cena nacional quanto na internacional ao longo das décadas seguintes.

CONTINUE LENDO AQUI!!!




Se você tem interesse na divulgação da sua empresa, seu trabalho ou banda, o Roque Reverso é um veículo que possui um respeitável número de leitores. Entre em contato conosco para conhecer nossos diversos planos:  roquereverso@hotmail.com

Preencha abaixo para receber atualizações do nosso site em primeira mão e gratuitamente pelo seu e-mail! Não se esqueça de confirmar o recebimento do e-mail depois.

Junte-se a 101 outros seguidores

outubro 2019
D S T Q Q S S
« set    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Arquivos

Roque Reverso no Twitter

Bandas, estilos, festivais, etc

O Roque Reverso está no ar!!!

Seja bem-vindo ao blog do rock and roll! Clique para acessar o post de abertura do blog!

Post inicial

SOBRE VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

SOBRE OS VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

Categorias