26
abr
18

Após fiasco de 2017, Virada Cultural de 2018 traz programação melhor; rock tem boas atrações

Virada Cultural 2018 - Reprodução de parte do CartazA Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo anunciou na quarta-feira, 25 de abril, a programação da 14ª edição da Virada Cultural. Após o gigantesco fiasco de 2017, o evento de 2018 traz uma programação melhor, além de evitar a decentralização inacreditável promovida na edição anterior. Quanto ao rock, a Virada Cultural de 2018 também conta com boas atrações do estilo, também pouco bem tratado no ano passado.

A edição de 2018 da Virada começará a partir das 18 horas do sábado, dia 19 de maio. Ela seguirá até as 18 horas do domingo, dia 20 de maio.

Pode parecer coincidência, mas a simples saída do prefeito que se fantasiava do poder deu uma arejada na mente dos organizadores. O secretário de Cultura é o mesmo, mas as ideias de destruição do que havia sido mantido nas gestões de três prefeitos diferentes e de diversas correntes políticas parecem ter sido esquecidas.

A utilização da região central como polo de encontro da população não volta como em tempos anteriores, mas, pelo menos, a região retornou ao evento com vários palcos distribuídos. A gestão atual continua com um discurso de “descentralização”, com palcos distribuídos para longe, mas claramente mudou uma tendência radical que quase matou a Virada Cultural em 2017.

No ano passado, a baixa adesão ao evento que era sucesso crescente nas edições anteriores foi o grande destaque da Virada Cultural. Locais distantes, como o Autódromo de Interlagos e o Sambódromo podiam até comportar grandes públicos, mas a distância incrível entre eles impedia o que era uma das principais marcas do evento: a possibilidade de seguir de um palco para o outro com facilidade e acompanhar o maior número de atrações possíveis gratuitamente.

Em 2018, o autódromo e o Sambódromo saíram do evento. Estreiam na esteira da “descentralização” idealizada pela prefeitura o estacionamento do Itaquerão e o Parque da Juventude. Estes locais, no entanto, não devem atrair o público de rock, já que haverá, por exemplo, no primeiro, shows de pagode.

A Chácara do Jockey, que chegou a fazer sucesso com o público na edição passada, receberá uma programação jovem com o grande Nação Zumbi no palco principal como uma das atrações. A mesma banda está escalada para tocar no Palco Boulevard São João, onde discos completos serão executados.

Neste palco da região central, o grupo tocará nada menos que o disco “Afrociberdelia”. Outra atração imperdível no mesmo local será o Ira! executando o clássico álbum “Vivendo e Não Aprendendo”.  Dado Villa Lobos e Marcelo Bonfá fecharão a programação deste palco com o show Legião Urbana XXX Anos.

Além da decentralização, a Prefeitura de São Paulo apostará em 2018 nos chamados “tablados temáticos” pelas ruas do centro.

Dentre as várias opções na região central, haverá o palco Brasil 360, no cruzamento das avenidas Barão de Itapetininga e Ipiranga. Por lá, tocarão, por exemplo, as bandas Cachorro Grande e Vanguard.

Outro palco que deve alegrar quem curte rock n’ roll é o História do Rock, localizado em frente ao edifício Copan (Avenida Ipiranga, altura do número 210). Por lá, atrações nacionais importantes serão o Made in Brazil, Inocentes, As Mercenárias, Mundo Livre, Dead Fish e os Paralamas do Sucesso, que fechará a programação.

Mais um palco de rock é o que ficará nas esquinas da Rua 7 de abril com a Rua Xavier de Toledo, bem pertinho da Estação Anhangabaú do Metrô. Ali, tocarão, por exemplo, Ego Kill Talent, Far From Alaska, Krisiun e Ratos de Porão.

Mais diversificado, o Palco Skate, localizado na Avenida Rio Branco, na altura do número 98, terá coisas ligadas ao rap, mas também ao rock, como os Raimundos e uma homenagem ao vocalista Chorão.

Parceria com o Sesc

Vale destacar, além das atrações ligadas ao rock, a parceria que a Virada Cultura fará com o Sesc. Serão 17 unidades do Sesc na capital. Entre as 18 horas do dia 19 e as 18 horas do dia 20 de maio, as unidades 24 de Maio, Avenida Paulista, Belenzinho, Bom Retiro, Campo Limpo, Carmo, Centro de Pesquisa e Formação, CineSesc, Consolação, Interlagos, Ipiranga, Parque Dom Pedro II, Pinheiros, Pompeia, Santana, Santo Amaro e Vila Mariana estendem seu horário de atendimento com uma vasta oferta de atividades artísticas voltadas a todos os públicos e idades.

A novidade desta edição está na programação da mais nova unidade do Sesc na capital: o Sesc Avenida Paulista que, juntamente com o Cinesesc e o Sesc 24 de Maio, estará aberta ao público até as 4 horas da manhã de domingo. As demais unidades participantes encerram suas atividades entre 23 horas e 2 horas. E todas elas retomam seu funcionamento no domingo pela manhã, cumprindo a jornada cultural que se estende até às 18 horas do dia 20 de maio.

Confira abaixo a programação dos palcos que tem tudo ou algo de rock na Virada Cultural de 2018.

Discos Completos – Boulevard São João

19h30 – Antonio Carlos e Jocafi tocam “Mudei de Idéia”
22h30 – Geraldo Azevedo toca “Bicho de Sete Cabeças”
01h30 – Cidadão Instigado toca “Uhuuu!”
04h30 – Ira! toca “Vivendo e Não Aprendendo”
07h30 – Téo Azevedo toca “Grito Selvagem”
10h30 – Fafá de Belém toca “Água”
13h30 – Nação Zumbi toca “Afrociberdelia”
16h30 – Dado Villa Lobos e Marcelo Bonfá em “Legião Urbana XXX anos”

Brasil 360 – Barão de Itapetininga X Av. Ipiranga

19h00 – Zé Pereira
22h00 – Baile do Mestre Cupijó
01h00 – Otto
04h00 – Cachorro Grande
07h00 – Luiza Lian
10h00 – Lucas Guimarães
13h00 – Vanguart
16h00 – Letrux

História do Rock – Copan (Av. Ipiranga, alt.210)

18h00 – Clemente & A Fantastica Banda Sem Nome – Rock Brasil Anos 50
20h30 – Lafayette e os Tremendões
23h00 – Patrulha do Espaço
01h30 – Made in Brazil
04h00 – Inocentes
06h30 – As Mercenárias
09h00 – Mundo Livre
11h30 – Dead Fish
14h00 – E a Terra Nunca Me Pareceu Tão Distante
16h30 – Paralamas do Sucesso

Rock – Rua 7 de Abril X Rua Xavier de Toledo

18h00 – Black Pantera
20h30 – Ego Kill Talent
23h00 – Boogarins
01h30 – Rakta
04h00 – Huey
06h30 – Ema Stoned
09h00 – Molho Negro
11h30 – Far From Alaska
14h00 – Krisiun
16h30 – Ratos de Porão

Skate – Av Rio Branco (Alt. 98)

24 horas – Cave Pool
18h00 – Rael
21h00 – Marcelo D2
00h00 – RZO + Ice Blue
02h00 – Haikaiss
04h00 – Homenagem ao Chorão – Charlie Brown Jr.
10h00 – Rashid
12h00 – Black Alien
14h00 – Cone Crew
16h00 – Maneva
18h00 – Raimundos
19h30 – Kl Jay + Xis + Kamau
22h30 – Kefing
01h30 – Kefing
12h00 – Sintonia


0 Responses to “Após fiasco de 2017, Virada Cultural de 2018 traz programação melhor; rock tem boas atrações”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário (para isso, insira seu endereço de e-mail e o nome)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


Se você tem interesse na divulgação da sua empresa, seu trabalho ou banda, o Roque Reverso é um veículo que possui um respeitável número de leitores. Entre em contato conosco para conhecer nossos diversos planos:  roquereverso@hotmail.com

Siga o Roque Reverso no Instagram!!!

Curtas do Roque Reverso -> Para você que está pensando em ir ao aguardado show que o Greta Van Fleet realizará em São Paulo na Audio, uma notícia nada boa: os ingressos estão já no terceiro lote e saltaram do valor inicial de R$ 220,00 (https://roquereverso.com/2019/02/04/greta-van-fleet-snow-patrol-e-outras-bandas-tocarao-nas-lolla-parties-em-sp/) para inacreditáveis R$ 320,00 (inteira). Integrantes da equipe do Roque Reverso se deslocaram por volta das 13h30 (horário de Brasília) deste sábado, 9 de fevereiro, ao longínquo Credicard Hall, na zona sul da capital paulista, e tiveram esta nada agradável "surpresa", ao tentar fugir das famigeradas taxas de conveniência e entrega. Obviamente, como não temos carteirinha de estudante (e não adotamos mecanismos fora dos meios legais para adqui-la), como não existe facilidade alguma (como parcelamento ou coisa parecida) e como tivemos a sensação de "assalto", decidimos não comprar. Tudo porque há uma linha divisória clara entre ser fã de uma banda e ser trouxa. Sabemos que o Greta Van Fleet é uma ótima banda, que é uma promessa cada vez mais clara de algo bom e duradouro para o rock n' roll e que, muito provavelmente, vai ganhar um ou mais prêmios Grammy na cerimônia do domingo, nos Estados Unidos. Mas os organizadores de shows brasileiros vêm abusando demais em relação aos preços de ingressos de quem só pode pagar entrada inteira.Resta a cada fã se sujeitar ou não a estes abusos. Com este caso relatado e com as últimas negativas de credenciais de imprensa que o Roque Reverso vem recebendo da assessoria de imprensa da Time For Fun (suspeitamos de retaliação por fazermos nossas habituais criticas jornalísticas nas resenhas de shows), é muito provável que este veículo de imprensa fique fora das coberturas dos shows do Greta Van Fleet, tanto do Lollapalooza Brasil, como do show na Audio pelas Lolla Parties. É muito triste especialmente para nós, que fomos um dos primeiros veículos brasileiros a falar da banda e o primeiro do País a publicar uma entrevista exclusiva com os integrantes. Não desistiremos tão fácil de ir, mas avisamos nossos queridos leitores do ocorrido. #roquereverso #gretavanfleet

Preencha abaixo para receber atualizações do nosso site em primeira mão e gratuitamente pelo seu e-mail! Não se esqueça de confirmar o recebimento do e-mail depois.

Junte-se a 100 outros seguidores

abril 2018
D S T Q Q S S
« mar   maio »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

Arquivos

Roque Reverso no Twitter

Bandas, estilos, festivais, etc

O Roque Reverso está no ar!!!

Seja bem-vindo ao blog do rock and roll! Clique para acessar o post de abertura do blog!

Post inicial

SOBRE VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

SOBRE OS VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

Categorias


%d blogueiros gostam disto: