Arquivo para maio \31\-02:00 2010

31
maio
10

Aerosmith traz show de clássicos e faz a alegria do público no Estádio do Palmeiras

O Aerosmith fechou sua curta passagem pelo Brasil no sábado, em São Paulo, em mais uma apresentação que fez parte da turnê mundial “Cocked, Locked, Ready to Rock”. A banda norte-americana de hard rock, comandada pelo vocalista Steven Tyler e pelo guitarrista Joe Perry, fez um show repleto de clássicos e provocou a alegria do público presente no Estádio do Palmeiras, estimado em torno de 38 mil pessoas, em uma noite bastante agradável.

CONTINUE LENDO AQUI!!!

28
maio
10

As 10 mais do Aerosmith

Poucas bandas na história do rock conseguiram gravar um disco capaz de ser chamado de perfeito. Menos bandas ainda foram capazes de gravar mais de um disco digno de tal reconhecimento. O Aerosmith é uma delas.

Apesar de a banda não ser uma unanimidade de crítica e público, em grande parte pelo despeito alimentado por sua popularidade, o quinteto liderado por Steven Tyler e Joe Perry possui três discos que atendem aos requisitos da perfeição: “Rocks” (1976), “Pump” (1989) e “Get a Grip” (1993).

Partindo disto, é possível imaginar a dificuldade em se formular uma lista com as 10 mais do Aerosmith, que toca amanhã em São Paulo. Certo de ter cometido injustiças imperdoáveis, aí vão minhas 10, desnumeradas propositalmente:

Back In The Saddle
Draw The Line
Toys in the Attic
Sweet Emotion
Dream On
Walk This Way
Permanent Vacation
The Other Side
Don’t Get Mad, Get Even
Eat the Rich

Deixadas de fora com dor no coração:

Voodoo Medicine Man
Hangman Jury
Monkey On My Back
Mama Kin
Same Old Song and Dance
Train Kept A-Rollin’
Young Lust
Jane’s Got a Gun
What it Takes
Falling in Love (Is Hard on the Knees)

E você, leitor, quais as suas?

Ricardo Gozzi

28
maio
10

Set list do show do Aerosmith em Porto Alegre; amanhã, é a vez de SP

O Aerosmith iniciou ontem, em Porto Alegre, sua pequena passagem pelo Brasil em 2010, como parte da turnê “Cocked, Locked, Ready to Rock”. A banda norte-americana de hard rock subiu por volta das 22 horas no palco montando no estacionamento da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (Fiergs) e trouxe seus principais clássicos ao público gaúcho na sua primeira aparição na cidade em sua história.

Mesmo com a chuva que caiu sobre a capital rio-grandense, Steven Tyler e seus companheiros conseguiram animar os fãs com um repertório de 20 músicas durante duas horas de apresentação. Amanhã, é a vez do público paulistano receber a banda no último grande evento agendado para o Estádio do Palmeiras antes da reforma que promete transformar o Palestra Itália numa das maiores arenas multiusos das Américas.

A montagem do palco em São Paulo pode ser vista nas fotos abaixo, de Marcelo Rossi, divulgadas pela organização oficial do evento. Para manter sua tradição, o Roque Reverso descolou o set list do show realizado em Porto Alegre. Está abaixo das fotos do Palestra Itália. A foto do show de Porto Alegre, do profissional Michael Paz Frantzeski, é da divulgação do evento da capital gaúcha.

Set list do Aerosmith em Porto Alegre:

Love In An Elevator
Mama Kin
Falling In Love (Is Hard On The Knees)
Pink
Dream On
Livin’ On The Edge
Jaded
Crazy
Cryin’
Solo de Bateria
Lord Of The Thighs
I Don’t Want To Miss A Thing
Rag Doll
What It Takes
Sweet Emotion
Stop Messin’ Around
Baby, Please Don’t Go
Draw The Line

Walk This Way
Train Kept A Rollin’

25
maio
10

Set list do show do ZZ Top em São Paulo

O ZZ Top se apresentou na quinta e na sexta-feira da semana passada em São Paulo no Via Funchal e atraiu um bom público nas duas noites até a casa de shows paulistana. O Roque Reverso infelizmente não pode presenciar as apresentações, mas não iria deixar de descolar para os leitores o set list de uma delas, a de quinta-feira, que contou com maior público, já que, na noite de sexta-feira, o show era extra e teve mesas na pista, em vez do público em pé, como acontece tradicionalmente nos shows de rock.

Todas as resenhas lidas foram bastante positivas sobre os shows, já que a banda trouxe, depois de 40 anos de espera, seus maiores hits para São Paulo e empolgou o público presente. Mereceu elogio de alguns críticos a qualidade sonora do show, com a banda trazendo equipamentos modernos e de alta qualidade.  

Descolamos o set list na resenha do UOL. Veja abaixo:

Got Me Under Pressure
Waitin’ For The Bus
Jesus Just Left Chicago
Pincushion
I’m Bad, I’m Nationwide
Future Blues (cover de Willie Brown)
Rock Me Baby
Cheap Sunglasses
Francine
I Need You Tonight
Hey Joe (cover de Jimi Hendrix)
Brown Sugar
Party On The Patio
Just Got Paid
Gimme All Your Lovin’
Sharp Dressed Man
Legs

Viva Las Vegas
La Grange
Tush

21
maio
10

R.E.M. lançará versão comemorativa de 25 anos do álbum ‘Fables of the Reconstruction’

O R.E.M., que dispensa comentários, vai comemorar o aniversário de 25 anos do álbum “Fables Of The Reconstruction” com o lançamento de uma reedição de luxo remasterizada, que contará com um CD bônus contendo versões demo e faixas inéditas gravadas na mesma época, que fizeram parte do trabalho intitulado “The Athens demos”. A versão comemorativa será lançada no dia 13 de julho, em um box contendo um pôster e quatro cartões ilustrados, além de um encarte com notas escritas pelo guitarrista Peter Buck.

“Fables Of The Reconstruction” é o terceiro álbum da banda norte-americana liderada por Michael Stipe. Foi gravado em 1985 em Londres e tem como principal sucesso a música “Driver 8”. O álbum duplo trará também faixas gravadas em Athens, cidade natal da banda. Neste grupo de faixas estão a inédita “Throw Those Trolls Away” e uma versão inicial de “Hiena”, que viria a ser lançada posteriormente em “Lifes Rich Pageant”, álbum seguinte da banda, lançado em 1986. A reedição de “Fables Of The Reconstruction”  também estará disponível em vinil.

Veja abaixo a lista de músicas da edição comemorativa:

Disco 1 (álbum original remasterizado digitalmente)

1. Feeling Gravity’s Pull
2. Maps and Legends
3. Driver 8
4. Life and How To Live It
5. Old Man Kensey
6. Can’t Get There From Here
7. Green Grow The Rushes
8. Kohoutek
9. Auctioneer (Another Engine)
10. Good Advices
11. Wendell Gee

Disco 2 : “The Athens Demos”

1. Auctioneer (Another Engine)
2. Bandwagon
3. Can’t Get There From Here
4. Driver 8
5. Feeling Gravity’s Pull
6. Good Advices
7. Green Grow The Rushes
8. Hyena [demo version]
9. Kohoutek
10. Life and How To Live It
11. Maps and Legends
12. Old Man Kensey
13. Throw Those Trolls Away
14. Wendell Gee

19
maio
10

Gafe da RedeTV! mostra imagens de Ozzy no anúncio da morte de Dio

A RedeTV! entrou para a lista dos veículos de comunicação com gafes históricas sobre o heavy metal, depois de usar imagens de Ozzy Osbourne para informar a morte de Ronnie James Dio, que aconteceu no domingo passado. Desde ontem, a mancada da emissora de TV caiu no Youtube e já é forte candidata ao Top 5 do programa CQC da TV Bandeirantes, que retrata justamente os “grandes momentos” da televisão brasileira.

Em rápida matéria exibida pelo programa Leitura Dinâmica, o apresentador comenta a morte do ex-vocalista do Black Sabbath e do Heaven & Hell. O texto lido até que não está ruim, mas a equipe de edição se engana e coloca vídeos de Ozzy Osbourne em vez de imagens de Dio.

Boa diversão!

17
maio
10

Living Colour mostra que continua em forma em show da Virada Cultural

Living Colour - Foto: Reprodução do YouTubeO Living Colour se apresentou no domingo, 16 de maio, em São Paulo como uma das principais atrações da Virada Cultural de 2010. O show, realizado em plena madrugada paulistana, atraiu milhares de pessoas à Praça Júlio Prestes e mostrou a banda em grande forma, com muitas improvisações, imensa qualidade musical e trazendo seus grandes hits ao público.

Destaque para os sucessos dos álbuns “Vivid”, de 1988, e “Time’s Up”, de 1990, justamente da fase áurea do conjunto norte-americano.

CONTINUE LENDO AQUI!!!

16
maio
10

Heavy Metal de luto: Ronnie James Dio morre de câncer nos EUA

O heavy metal está em luto. Morreu neste domingo o lendário vocalista Ronnie James Dio, que teve importantes passagens pelo Rainbow, Black Sabbath, criou nos anos 80 uma ótima banda que levava seu próprio sobrenome e, mais recentemente, respondia pelos vocais do Heaven & Hell. Dio faleceu aos 67 anos, em Houston (EUA), em virtude de um câncer estomacal, dignosticado em novembro do ano passado. A notícia oficial da morte de Dio foi confirmada no site oficial do músico por sua esposa, Wendy Dio.

“Hoje, meu coração está partido, Ronnie faleceu às 7h45 do dia 16 de maio. Muitos, muitos amigos e familiares puderam dizer adeus antes que ele descansasse em paz”, escreveu Wendy. “Ronnie sabia o quanto todos o amavam. Agradecemos o amor e apoio que vocês nos deram. Por favor, dêem a nós alguns dias de privacidade para lidarmos com essa terrível perda. Saibam que ele amava vocês todos e sua música vai viver para sempre”, finalizou.

No início do mês, o Heaven & Hell já havia cancelado um grande número de shows que a banda faria no meio do ano na Europa, justamente por causa da doença de Dio. Na ocasião, o comunicado da banda trazia a informação de que o vocalista não estava “bem o suficiente” para excursionar no verão europeu.

Qualquer um que tenha o mínimo de conhecimento de heavy metal, sabe a importância de Dio para o rock. Dono de uma voz poderosa, o baixinho vocalista deixou muitas músicas do Sabbath e da própria banda Dio imortalizadas na história do estilo. Também era conhecido pela enorme simpatia e pelo grande respeito que tinha pelos fãs. 

Vale lembrar que 2010 não tem sido um bom ano para os vocalistas do rock pesado. Já havíamos perdido o líder do Type O Negative, Peter Steele, há pouco mais de um mês. Agora, uma perda ainda maior, de um dos ícones do heavy metal. 

O Roque Reverso presta homenagem a Dio com três vídeos descolados no Youtube. O primeiro é da clássica “Last in Line”, do álbum de mesmo nome, lançado pela banda Dio, em 1984. O segundo é da música “TV Crimes”, do ótimo álbum “Dehumanizer”, lançado pelo Black Sabbath em 1992. Para fechar, o Heaven & Hell tocando ao vivo a preferida deste jornalista com o Dio: “Children of the Sea”, que é originalmente do Sabbath, do álbum “Heaven and Hell”, de 1980, da primeira passagem de Dio pela banda. 

R.I.P. Dio!

14
maio
10

SP se prepara para a Virada Cultural 2010; veja o mapa e informações do evento

A capital paulista se prepara para a Virada Cultural de 2010, que reunirá, entre amanhã à noite e domingo, uma série de atrações ligadas à música, teatro, dança, cinema, entre outras manifestações artísticas. O Roque Reverso já cantou a bola há alguns dias que, pelo lado do rock, a maior atração será o Living Colour, que se apresentará no palco da Praça Júlio Prestes, bem próximo da Sala São Paulo, às 3 horas, na madrugada de sábado para domingo.

Também já informamos que o palco da Praça Júlio Prestes é marcado pela diversidade, já que vai reunir, além do Living Colour, representantes de outros estilos musicais, como as cantoras Zélia Duncan e Céu, o músico Toquinho e até coisas como o ABBA The Show — banda que faz covers do ultrabrega grupo sueco.

Para quem quer ver só rock mesmo, o palco escolhido é o da Avenida São João. Lá, deverão se apresentar a banda de hard rock L.A. Guns; o Grand Mothers Re:Invented, que reúne membros da banda Mothers of Invention, do lendário Frank Zappa; o Krisiun; a banda Velhas Virgens homenageando o ícone do samba paulistano Adoniran Barbosa; a cantora Pitty; os Raimundos; Titãs e Arnaldo Antunes, entre outros.

Fora do rock, há atrações bem legais, como o multiinstrumentista Hermeto Pascoal, no palco do Vale do Anhangabaú; um palco só para o reggae na Alameda Barão de Limeira; o Baile do Simonal, liderado por Wilson Simoninha e Max de Castro, na Praça da República; e o cantor Arrigo Barnabé cantando Lupicínio Rodrigues, no palco do Largo do Arouche; entre outros.

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) prepara operação especial para monitorar o trânsito na região central da cidade para a realização da Virada.

Para garantir a segurança e a fluidez do tráfego, bem como o acesso do público ao evento, a CET contará com 290 operadores de tráfego, e utilizará 750 cavaletes, 60 super cones, 50 faixas e 40 banners de orientação. No sábado, a partir das 17 horas, serão feitos os bloqueios para o evento. Serão cinco, todos na região central, que ficarão fechados até a madrugada do domingo.

A CET recomenda que as pessoas utilizem o transporte público para chegar ao evento. Ônibus e metrô estarão funcionando em horários especiais. Para esclarecimento de dúvidas de trânsito, ligar 1188 – Fale com a CET. O serviço atende 24 horas por dia para informações sobre trânsito, ocorrências, remoções, reclamações e sugestões.

Quanto ao transporte público, neste ano, a São Paulo Transporte (SPTrans) criou uma linha especial de ônibus para facilitar o deslocamento daqueles que querem aproveitar as atividades oferecidas pela Virada Cultural. A linha circular 2001/10 Terminal Bandeira/Terminal  Princesa Isabel, Amaral Gurgel e Parque D. Pedro II, vai operar ininterruptamente das 16 horas do sábado, dia 15 de maio, até as 24 horas do domingo, dia 16.

Segundo os organizadores da Virada, o circuito foi definido de modo a passar pelos pontos onde há concentração de atividades e espetáculos. A linha conta com 6 ônibus, todos acessíveis, que farão partidas a cada 10 minutos.

Mais notícias da Virada Cultural 2010, poderão ser acompanhadas aqui. Já a programação completa pode ser vista aqui. O Roque Reverso, que tem como meta principal assistir ao show do Living Colour, também descolou para seus leitores o mapa do evento. Bom divertimento!!!

Clique para ampliar

Clique para ampliar

12
maio
10

Lou Reed é confirmado como atração da Flip em agosto

O astro do rock Lou Reed, ex-vocalista do Velvet Underground, foi confirmado hoje como uma das atrações da próxima edição da Festa Literária Internacional de Paraty (Flip), que neste ano ocorre entre os dias de 4 a 8 de agosto na belíssima cidade histórica do litoral do Estado do Rio de Janeiro. Roqueiro, letrista, vocalista, guitarrista e fotógrafo, o norte-americano é autor de livros de fotografia e divulgará a obra “Atravessar o Fogo”, que reúne 310 letras de canções e está agendada para chegar ao Brasil em julho, pela Editora Companhia das Letras.

Além da música, Reed também já contribuiu para publicações de prestígio. Em 1996, escreveu um diário para a revista americana The New Yorker sob o título “The Aches and Pains of Touring”.

No fim de 2001, escreveu, especialmente para o The New York Times, por ocasião do 11 de setembro, o poema “Laurie, If you’re sadly Listening“, em que tenta humanizar a tragédia. Fez também uma ponte entre literatura e música ao lançar, em 2003, o álbum “The Raven”, inspirado na obra do escritor Edgar Allan Poe. A foto acima é da divulgação do evento.

11
maio
10

Green Day fará shows em outubro em Porto Alegre, Rio, Brasília e SP

A notícia é de ontem, mas o Roque Reverso não vai deixar passar batido que o Green Day fará shows em outubro em quatro cidades brasileiras. A informação foi divulgada no site oficial da banda e confirmada pela Mondo Entretenimento. Sim, aquela mesma “inesquecível produtora” do desorganizado show do Iron Maiden no Autódromo de Interlagos em 2009, quando o público foi profundamente desrespeitado com lama nos joelhos e foi obrigado a usar as entradas e saídas caóticas do autódromo paulistano.

Doze anos após sua última passagem pelo Brasil, o Green Day fará shows em Porto Alegre (13 de outubro, em local que será confirmado), Rio de Janeiro (15 de outubro, no HSBC Arena), Brasília (17 de outubro, em local que será confirmado) e São Paulo (20 de outubro, na  Arena Anhembi).

Com 20 anos de carreira, a banda norte-americana já vendeu cerca de 25 milhões de discos em todo o mundo e ganhou quatro prêmios Grammys. Formada pelo vocalista e guitarrista Billie Joe Armstrong, pelo baixista Mike Dirnt e pelo baterista Tre Cool, já lançaram oito álbuns de estúdio – o último deles, “21st Century Breakdown”, chegou às lojas em maio do ano passado. Já na primeira semana ocupou o topo da lista dos mais vendidos da revista Billboard. Este foi o primeiro disco lançado pela banda desde American Idiot, de 2004, que ganhou dois prêmios Grammys e emplacou cinco singles.

Por enquanto, a Mondo divulgou apenas os detalhes dos shows do Rio de Janeiro e de São Paulo. Confira abaixo:

GREEN DAY NO RJ
Quando:
15/10, a partir das 22h30 Abertura dos Portões: 18 horas Onde: HSBC Arena (av. Embaixador Abelardo Bueno, 3401, Barra da Tijuca)Início das vendas: 29/5 Quanto: R$ 100 (Arquibancada), R$ 180 (Pista), R$ 200 (Nível 1) e R$ 300 (Pista premium e Suites) Facilidade: Desconto HSBC – 10%, somente em ingressos com valores inteiros. Ingressos: bilheteria oficial da HSBC Arena (Avenida Embaixador Aberlado Bueno, 3401) – sem taxa de conveniência; no site www.livepass.com.br; e pelo telefone 4003-1527 Censura: 14 anos

GREEN DAY EM SP
Quando:
20/10, a partir das 22 horas Abertura dos Portões: 16 horas Onde: Arena Anhembi (av. Olavo Fontoura, 1.209, Santana) Início das vendas: 25 de maio Quanto: R$ 180 (pista) e R$ 250 (pista premium)Ingressos: bilheteria oficial no Morumbi Shopping (estacionamento piso G1) – sem taxa de conveniência; no site www.livepass.com.br; e pelo telefone 4003-1527 Censura: 14 anos

10
maio
10

Manowar apela até para strip-tease, mas falta de clássicos do show decepciona público de SP

O Manowar se apresentou no Credicard Hall na sexta-feira depois de 12 anos ausente do País. Os norte-americanos que se consideram os “Reis do Metal” fizeram um show bastante criticado pela maioria do público que esteve na casa de espetáculos, já que optaram por um repertório de músicas focado nos discos recentes, deixando de lado as músicas consideradas “clássicas” pelo seu grupo de fãs.

A banda está longe da lista de favoritas do blog, mas já gravou boas músicas em 30 anos de carreira. Para o Roque Reverso, o show de sexta-feira tinha um significado especial, já que foi a primeira vez que o blog se cadastrou para um evento de maneira independente.

Se, nos shows do Guns N´Roses e do Megadeth, nossa cobertura chegou a ser um pouco prejudicada pelo fato deste blogueiro ficar na pista comum como mero fã de rock pagante (coisa que já faz há 20 anos), na apresentação do Manowar, tive o privilégio de assistir ao show na contestada Pista Vip, agora finalmente como jornalista blogueiro.

O credenciamento de imprensa estava agendado para as 21h30. Depois de atravessar as duas Marginais (Tietê e Pinheiros) bastante carregadas, consegui chegar no Credicard Hall às 21h20. Confesso que foi bastante gratificante ver o nome do blog na lista, no meio de tantos veículos de comunicação. Fui muito bem recepcionado pelo Ricardo da T4F (que nos deu uma força enorme!) e aproveitei para comprar uma cerveja básica.

O show estava previsto para começar às 22 horas, mas a banda só começou a apresentação às 22h30. O Credicard não estava lotado como no show do Megadeth, mas o público presente era grande e fiel, o que já garantia a animação.

A decepção dos fãs está justamente amparada no fato de a banda simplesmente ter ignorado as músicas do período anterior ao elogiado álbum “Louder Then Hell”, gravado em 1996, o que significa que mais de 15 anos de gravações foram esquecidos na sexta-feira. Só foram executadas músicas dos álbuns “Warriors of the World” (2002) e “Gods Of War” (2007), além dos EP “Thunder in the Sky”, de 2009.

Além da banda ignorar os clássicos, o público que não teve o privilégio de ficar na Pista Vip teve dificuldades para acompanhar o show, já que não era em todas as músicas que os telões mostravam a apresentação. Em boa parte delas, a banda optou pela colocação de desenhos e capas de discos nas telas.

Strip-tease

A fama de macho forçada do Manowar já não é novidade no mundo do heavy metal; basta ver as capas dos discos dos caras. Há quem diga que a banda foi uma das principais inspirações para o engraçado Massacration, que tira onda exatamente dos exageros e clichês do estilo.

O que se viu no Credicard Hall, porém, faria o Massacration ficar com inveja, já que os gringos usaram e abusaram dos clichês. Se, em 1996, no Olympia, o baixista Joey DeMaio já havia dado uma de bonzão ao chamar garotas do público para cima do palco para beijá-lo, em 2010, foi além: trouxe 3 garotas “assanhadas” para dançar e fazer um strip-tease incompleto.

Tudo começou depois de uma longa pausa na apresentação para DeMaio discursar sobre a banda e sua fidelidade ao “true metal”. Após mostrar um bom português, o baixista chamou um fã da Pista Vip para tocar uma música com a banda.

Dependendo da performance, o fã poderia, conforme a promessa de DeMaio, transar com as garotas. Para inveja dos marmanjos do público presente, o fã tocou com a banda, tomou uma cerveja com o baixista, beijou e “acariciou” as meninas, que já estavam com os seios à mostra e apenas com minúsculos trajes no estilo fio-dental.

Foram até engraçadas as cenas, mas nem todos gostaram, já que a reclamação mais ouvida foi a de que a banda poderia ter usado os mais de 10 minutos de clichê metálico para tocar algum clássico.

De volta ao show de música, o Manowar deu seqüência à execução das canções recentes, encerrou a apresentação e voltou para um breve bis. Indignada, uma parte do público simplesmente vaiou a banda (!!!), que simplesmente foi embora. Há relatos de gente que queimou a camisa do conjunto em frente ao Credicard Hall e as comunidades do orkut ficaram recheadas de gente insatisfeita.

Este blogueiro já havia visto o Manowar em 1996, no saudoso Olympia, e, em 1998, no Monsters of Rock. Sem a menor dúvida, aqueles dois shows foram muito melhores do que o de sexta-feira. Claro que os fãs de verdade vão continuar idolatrando a banda, mas os músicos poderiam ter feito uma apresentação elaborada, já que o show não era barato e havia gente até de outros Estados do País em caravana para acompanhar a apresentação. Realmente uma pena!

Abaixo, o Set List:

Hand of Doom
Call to Arms
Swords in the Wind
Solo de guitarra Karl Logan
Let The Gods Decide
Die For Metal
The Sons of Odin
Sleipnir
Screams of Death
Solo baixo Joey DeMaio
God or Man
Loki God Of Fire
Thunder In The Sky

Warriors of the World United
House of Death
King of Kings
Army of the Dead




Se você tem interesse na divulgação da sua empresa, seu trabalho ou banda, o Roque Reverso é um veículo que possui um respeitável número de leitores. Entre em contato conosco para conhecer nossos diversos planos:  roquereverso@hotmail.com

Siga o Roque Reverso no Instagram!!!

Preencha abaixo para receber atualizações do nosso site em primeira mão e gratuitamente pelo seu e-mail! Não se esqueça de confirmar o recebimento do e-mail depois.

Junte-se aos outros seguidores de 102

maio 2010
D S T Q Q S S
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Arquivos

Roque Reverso no Twitter

Bandas, estilos, festivais, etc

O Roque Reverso está no ar!!!

Seja bem-vindo ao blog do rock and roll! Clique para acessar o post de abertura do blog!

Post inicial

SOBRE VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

SOBRE OS VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

Categorias

Follow Roque Reverso << on WordPress.com