Arquivo para outubro \10\-02:00 2010



10
out
10

All Night Long – a aventura de um não-fã no show do Bon Jovi

Por Mario Rocha*

Nunca fui fã. Nem sabia as músicas de cor. Mas a minha mulher tem todos os CDs e me deu o ingresso de presente. Que meus amigos fãs do Led Zeppelin, como eu, não me ouçam. Mas a apresentação do Bon Jovi no Morumbi foi um showzaço. Os caras mandaram ver durante três horas num set list de 28 canções, sem efeitos especiais e sem backing vocals gostosinhas pra segurar a onda. Me diverti do começo ao fim, até mesmo quando meninas de todas as idades gritavam, desesperadas, a cada trejeito do filho do seu Bongiovi.

Soube que Blood on Blood foi a primeira da noite. Antes disso, teve abertura do Fresno. Não vi. Nessa hora, eu tava esquentando a alma numa joint pé sujo da vida. Quando pisei no gramado do Morumbas, fui imediatamente sugado pela catarse coletiva. Eu era um entre quase 70 mil. Talvez um dos poucos que não sabiam as letras. Mas na hora do sha-lá-lá, que é um refrão frequente nas canções, cantei como se fosse um dos fundadores do fã clube.

O negócio é que, com pouco conhecimento da banda, fui ao show com apenas uma expectativa, a de me divertir. Afinal, o que é o rock senão atitude e diversão? E nesse ponto, a banda cumpriu sua missão com louvor. Bon Jovi soltou a voz em quase todas as músicas, deixando uma pro Richie Sambora, que detonou na guitarra. Tico Torres, que faria aniversário no dia seguinte, castigou a batera sem perdão e ainda ouviu a galera cantar “happy birthday to you”. E David Bryan tirou o público do chão com os acordes iniciais de Runaway.

Não sei o que mais me entusiasmou. Se a alegria da minha mulher que parecia uma criança num parque de diversões, se a empatia do público com o bonitão esbanjando charme em cima do palco, se a competência de uma banda que continua conquistando fãs depois de quase 30 anos de estrada. Ou se foi a mistura de tudo isso com um som que tem raízes na country music (por várias vezes, o solo do Sambora me conduziu aos violinos do velho country) com forte sotaque de rock pesado e apelos de baladas teen mela cueca.

A primeira metade do show foi de tirar o fôlego. Os caras não deram descanso, tocando seus hits mais antigos. Sonzeira total. Depois, baixaram um pouco a bola com baladas maneiras pra deixar a galera à vontade pra namorar um pouco ou buscar outra cerveja. Na parte final, The Circle Tour voltou a pegar fogo. It’s my life arrebentou as cordas vocais de pelo menos uma dúzia de fãs à minha volta. E com Livin’ on a Prayer, a penúltima da noite, tive a impressão de que ia começar tudo de novo tal a vibração generalizada em todos os cantos do estádio.

Pra todo mundo voltar pra casa com o coração amolecido, o Bon Jovi encerrou a noite com Bed of Roses. A letra segue o melhor estilo Wando de “vou deitar você numa cama de rosas”. Mas quem liga pra isso depois de ter cantado “é minha vida, é agora ou nunca, eu não vou viver pra sempre” em It’s my life? E quem sou eu pra falar das letras do Bon Jovi? Afinal, quando ele perguntava ao público “Are you still with me?”, eu respondia: “All night long!”. Quem diria…

*Mario Rocha é jornalista e amante do bom e velho rock n’ roll
09
out
10

John Lennon faria 70 anos neste sábado

Depois das recentes lembranças de 40 anos das mortes de Jimi Hendrix e de Janis Joplin, nada mais merecido do que a lembrança de que, neste sábado, dia 9 de outubro de 2010, John Lennon faria 70 anos de idade, se um idiota não tivesse assassinado um dos maiores caras da história do rock e da música. O ex-beatle morreu no dia 8 de dezembro de 1980, em frente ao edifício em que morava, em Nova York, depois de ser acertado por 4 tiros de revólver calibre 38.

Qualquer ser amante da música sabe da importância que Lennon tem para a cultura mundial. Não esquecemos também de seu posicionamento político e das lutas que promoveu a favor da paz, numa época em que os Estados Unidos passavam, mais uma vez, por uma fase negra de sua história, com a guerra contra o Vietnã.

Entre as comemorações para celebrar o aniversário de Lennon estão exposições, shows e cerimônias em diferentes cidades do mundo. Em Liverpool, cidade natal do músico, será feita a maior homenagem, com mais de 20 eventos nos próximos dois meses.

De sábado a 9 de dezembro, dia seguinte ao 30º aniversário de sua morte, o artista britânico terá apresentações musicais em sua lembrança, entre elas uma organizada pela orquestra filarmônica real da cidade, sessões de leituras e espetáculos no Cavern Club, onde os Beatles foram descobertos. Um monumento pela paz deve também ser inaugurado no local no sábado por um de seus filhos, Julian, e por sua primeira mulher Cynthia.

Na Islândia, sua última companheira, Yoko Ono, acenderá no sábado perto de Reykjavik a torre “Imagine Peace”, memorial que ela dedicou a Lennon. Também a Yono Ono Plastic Band, que foi trazida de volta no ano passado com seu filho Sean Ono Lennon, fará uma apresentação.

Em Nova York, uma “festa de aniversário” será realizada hoje em City Winery com as apresentações de várias de suas músicas. Tudo isso antes de um grande show, no dia 12 de novembro, no qual se apresentarão figuras da música, como Patti Smith e Cyndi Lauper.

Ainda nos Estados Unidos, o Hall da Fama do Rock and Roll, em Cleveland, também celebrará este aniversário com várias manifestações, entre elas a exibição de imagens da cerimônia de inclusão de Lennon, como beatle, em 1988, e depois como artista solo, em 1994.

Para homenagear Lennon, o Roque Reverso traz a música que ele compôs há mais de 30 anos e que até hoje é algo bastante atual para este mundo. Veja abaixo o clássico vídeo de “Imagine”, que traz mensagens que o ser humano poderia usar com maior frequência em sua vida para tornar o mundo melhor.

08
out
10

Set list, fotos e vídeos do show do Bon Jovi no Morumbi

O Bon Jovi se apresentou na quarta-feira no Estádio do Morumbi, em São Paulo, e levou ao delírio a legião de fãs que esperou a banda 15 anos depois da última turnê que passou pelo Brasil. Com cerca de 3 horas de show, a banda tocou 27 músicas e contagiou o público, composto em sua maioria por mulheres, muitas delas fãs da época em que o grupo liderava as paradas de sucesso mundial com uma penca de hits. 

A abertura ficou por conta da banda gaúcha Fresno, que chegou a ser vaiada diversas vezes durante seu show. Apesar das ameaças que chegaram a rolar na internet, ninguém jogou objetos no grupo representante do “rock” brasileiro sem graça e sem atitude do novo milênio. 

Depois do show na capital paulista, a banda liderada por Jon Bon Jovi se apresenta hoje no Rio de Janeiro, na Praça da Apoteose. As informações para o evento na capital fluminense podem ser vista neste post mais antigo

O Roque Reverso descolou o set list do show no Morumbi, algumas fotos e três vídeos no YouTube. Para começar, “It’s My Life”. Na sequência, “Blaze Of Glory” e “These Days”.

 

 

Set list:

Blood On Blood
We Weren’t Born To Follow
You Give Love A Bad Name
Born To Be My Baby
Lost Highway
Superman Tonight
In These Arms
Captain Crash And The Beauty Queen From Mars
When We Were Beautiful
Runaway
We Got It Goin On
It’s My Life
Bad Medicine W/ Pretty Woman & Shout
Lay Your Hands On Me – Richie On Lead Vocals
Always
Blaze Of Glory
I’ll Be There For You
Have A Nice Day
I’ll Sleep When I’m Dead
Work For The Working Man
Who Says You Can’t Go Home
Keep The Faith 

These Days
Wanted Dead Or Alive
Someday I’ll Be Saturday Night
Livin’ On A Prayer
Bed Of Roses

07
out
10

Ingressos para show de Paul McCartney no Morumbi custam de R$ 140 a R$ 700

Foram divulgados ontem os valores dos ingressos para a apresentação de Paul McCartney em São Paulo. O ex-beatle se apresentará na capital paulista no dia 21 de novembro no Estádio Morumbi. Antes, no dia 7, se apresenta em Porto Alegre, no Estádio Beira-Rio. Como já era esperado, mais uma vez, os ingressos serão vendidos a valores altíssimos, com o valor mais baixo de R$ 140 e o mais caro chegando a inacreditáveis R$ 700.

A venda de entradas ao público em geral para o show do Morumbi começa no dia 21 de outubro pelo site www.ingresso.com, pelo telefone 4003-3222 e na bilheteria do Estádio Pacaembu das 9 horas às 17 horas. A pré-venda, apenas para clientes com cartões de crédito Bradesco, acontece entre os dias 15 e 20 de outubro pela internet, e a partir do dia 18 na bilheteria do Pacaembu. 

Os ingressos, com possibilidade de meia-entrada em todos os setores, custam R$ 700 (pista prime), R$ 300 (pista), R$ 300 (cadeira inferior), R$ 450 (cadeiras cobertas vermelha e azul e cadeiras premium laranja e azul), R$ 400 (cadeira coberta laranja), R$ 180 (arquibancada especial vermelha), R$ 160 (arquibancadas vermelha e azul) e R$ 140 (arquibancada laranja).

06
out
10

Bon Jovi dá início hoje à maratona dos shows de outubro no País

O Bon Jovi inicia hoje no Estádio do Morumbi sua passagem pelo Brasil e, com isso, detonará também o começo da maratona de shows que passará pelo Brasil em outubro. Além da banda norte-americana, que também tocará no Rio de Janeiro na sexta-feira, dia 8, a batelada de shows de grupos e artistas das mais diversas vertentes do rock promete agradar todos os tipos de fãs e, ao mesmo tempo, deixá-los na falência, já que os ingressos estão cada vez mais caros e realmente há muita atração num curto espaço de tempo. 

Depois da apresentação de hoje do Bon Jovi, é a vez do Rush tocar em São Paulo, no Morumbi, na sexta-feira, dia 8. Em Itu, na Fazenda Maeda, o SWU Festival promete reunir milhares de fãs do rock nos três dias de apresentação entre o sábado e a próxima segunda-feira, dia 11. Na relação de bandas, nomes de peso, como Rage Against de Machine, Pixies, Linkin Park, Dave Matthews Band, Kings of Leon e Queens of The Stone Age, só para citar os mais importantes. 

Também na segunda-feira, o Echo & The Bunnymen se apresenta no Credicard Hall, que, no dia 14, recebe a banda The Cranberries, grupo que tem shows agendados também no Rio de Janeiro (Citibank Hall,  dia 12), Florianópolis (Stage Music Park, dia 16), Brasília (Ginásio Nílson Nelson, dia 19), Recife (Chevrolet Hall, dia 22) e Fortaleza (Siara Hall, dia 23). 

Outro grupo que vem para o Brasil no mês é o Green Day. Doze anos após sua última passagem por aqui, a banda fará shows em Porto Alegre (13 de outubro, no Gigantinho), Rio de Janeiro (15 de outubro, no HSBC Arena), Brasília (17 de outubro, no Ginásio Nilson Nelson) e São Paulo (20 de outubro, na  Arena Anhembi). 

O mês também reserva espaço para atrações do rock pesado, como o Death Angel, do thrash metal, e o Limp Bizkit, do nu metal. O primeiro se apresenta em São Paulo no dia 23 no Clash Club e tem shows agendados também em Curitiba (dia 22, no John Bull Music Hall), no Rio de Janeiro (dia 24, no Rio Rock & Blues Club), em Goiânia (dia 27, no Bolshoi Pub), em Brasília (dia 28, no Blackout Bar), em São Luís (dia 29, no Espaço Cultural), em Recife (dia 30, no Armazém 14) e finalmente em Catanduva (dia 31, no Armazém do Café. O Limp Bizkit toca em São Paulo, no Via Funchal, no dia 22, e em Belo Horizonte, no Chevrolet Hall, no dia 24. 

Os fãs do rock pesado também terão oportunidade para ver a passagem do vocalista Rob Halford, do Judas Priest, novamente pelo Brasil. Desta vez como artista solo, ele fará uma única apresentação em São Paulo, no Carioca Club, no dia 24 de outubro. No mesmo local, no dia 20, a banda Nazareth fará também um show único no País. 

Os próprios integrantes do Roque Reverso não têm garantidas as presenças em todos os shows, já que os credenciamentos também estão cada vez mais severos e, com isso, muita gente que tenta fazer uma cobertura legal dos shows acaba sendo prejudicada pelos espertinhos de plantão que descolam credencial, mas não escrevem uma linha sequer depois das apresentações. Desta maneira, resta para nós a escolha a dedo de alguns shows, deixando outros infelizmente de lado. Prometemos, porém, aos nossos leitores que descolaremos os maiores detalhes possíveis sobre cada apresentação de outubro. Bons shows!!!

05
out
10

Produtora confirma apenas 1 show de Paul McCartney para SP; veja os preços para Porto Alegre

A produtora Planmusic confirmou ontem que Paul McCartney fará apenas dois shows no Brasil em novembro. Conforme as informações adiantadas na semana passada pela produtora DC Set, o ex-beatle tocará mesmo no dia 7 de novembro em Porto Alegre, no Estádio Beira-Rio, mas, de maneira diferente do anunciado anteriormente, apenas no dia 21 do mesmo mês em São Paulo, no Estádio do Morumbi.

O show do dia 22, portanto, não está, por enquanto confirmado, apesar de o São Paulo Futebol Clube ter informado que a data também está reservada para uma eventual segunda apresentação de Paul na capital paulista.

Ainda não foram divulgados os preços para o show no Morumbi, mas foram anunciados hoje para a apresentação em Porto Alegre. Segundo a RBS, uma das responsáveis pela vinda do ex-beatle ao Brasil, as entradas vão custar de R$ 140 a R$ 520.

A pré-venda de ingressos começará na quinta-feira, dia 7, às 8 horas pelo site Ingresso.com e na bilheteria do Estádio Beira-Rio. Poderão adquirir estas entradas associados do Internacional e assinantes de jornais do Grupo RBS.

A pré-venda segue até o dia até 10 de outubro ou até atingir o limite de 70% de ocupação dos espaços disponíveis. A venda para o público geral começa no próximo dia 11.

A produção do evento disponibilizou o número 4003-3222 para esclarecer dúvidas. Segundo a organização, serão colocados cerca de 50 mil ingressos à venda. O pagamento poderá ser feito em dinheiro ou cartão de crédito e débito.

Veja os valores dos ingressos por setor:

Anel superior, cadeira numerada ímpar: R$ 210
Anel superior, cadeira numerada par: R$ 330
Gramado livre e anel inferior: R$ 220
Cadeira não numerada, anel superior: R$ 140
Gramado premium: R$ 520
Cadeirantes: R$ 140

04
out
10

40 anos sem Janis Joplin

Há pouco mais de 15 dias, fizemos um post em homenagem a Jimi Hendrix, em função dos 40 anos sem um dos maiores músicos da história do rock. Hoje, dia 4 de outubro de 2010, temos a obrigação de fazer o mesmo com Janis Joplin, uma das maiores cantoras de todos os tempos, que faleceu há exatos 40 anos, depois de uma dose fatal de heroína, aos 27 anos de idade. 

Janis foi encontrada morta sozinha num quarto de hotel de Hollywood pelo companheiro da recém formada Full Tilt Boogie Band, o músico John Cooke.

Ela estava deitada de bruços, entre o criado-mudo e a cama. Tinha o nariz quebrado e o braço esquerdo marcado por uma série de picadas de agulha, por onde tinha injetado a heroína. Ao seu lado, para ilustrar mais uma vez o momento final de um ídolo, uma garrafa de uísque. 

Qualquer admirador da boa música, fã ou não de Janis Joplin, sabe que ela tem um lugar reservado na história e que botava no chinelo muitas das cantoras que vieram depois para imitá-la. Novamente, em homenagem a um mito, o Roque Reverso traz um vídeo descolado no YouTube, desta vez da música “Try (Just a Little Bit Harder)”, imortalizada por Janis.

03
out
10

Banda Stereophonics se apresenta em SP no dia 18 de novembro

O Stereophonics é mais uma banda que passará pelo Brasil em 2010. Segundo a produtora Time For Fun, o grupo britânico dará continuidade à turnê mundial do álbum “Keep Calm and Carry On” e chegará pela primeira vez à América do Sul. A banda faz única apresentação no Citibank Hall, em São Paulo, no dia 18 de novembro.  

A pré-venda para clientes com cartões conveniados será feita entre os dias 4  e 10 de outubro nos canais de venda oficiais da Tickets For Fun (www.ticketsforfun.com.br).

Os ingressos para o público em geral estarão disponíveis a partir de 11 de outubro. O telefone para maiores informações é o 4003-6464.

Os membros originais Kelly Jones e Richard Jones se apresentam ao lado do baterista argentino Javier Weyler e do guitarrista Adam Zindani. Para esta apresentação em São Paulo, a banda tocará hits como “A Thousand Trees”, “Traffic”, “Have a Nice Day”, entre outros, além de canções de seu último álbum “Keep Calm and Carry On”. 

A banda, que já emplacou 25 músicas entre as 40 mais tocadas da Inglaterra, foi formada originalmente em 1992 e lançou o primeiro álbum “World Gets Around” em 1997, pelo qual receberam o prêmio de “Banda Revelação” pelo Brit Awards. Desde então, já lançaram sete álbuns de estúdio. 

Veja os preços dos ingressos:

PREÇOS DE INGRESSOS

“Configuração Pista”

NORMAL ½ ENTRADA
NOS CAMAROTES R$200,00 R$100,00
NA PISTA R$140,00 R$  70,00

 




Se você tem interesse na divulgação da sua empresa, seu trabalho ou banda, o Roque Reverso é um veículo que possui um respeitável número de leitores. Entre em contato conosco para conhecer nossos diversos planos:  roquereverso@hotmail.com

Preencha abaixo para receber atualizações do nosso site em primeira mão e gratuitamente pelo seu e-mail! Não se esqueça de confirmar o recebimento do e-mail depois.

Junte-se a 101 outros seguidores

outubro 2010
D S T Q Q S S
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Arquivos

Roque Reverso no Twitter

Bandas, estilos, festivais, etc

O Roque Reverso está no ar!!!

Seja bem-vindo ao blog do rock and roll! Clique para acessar o post de abertura do blog!

Post inicial

SOBRE VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

SOBRE OS VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

Categorias

Follow Roque Reverso << on WordPress.com