Arquivo para fevereiro \28\-02:00 2013

28
fev
13

Rock in Rio confirma Florence and The Machine e 30 Seconds To Mars para edição de 2013

A organização do Rock in Rio confirmou mais dois nomes para o festival que acontecerá em setembro na capital fluminense. Do Reino Unido, o nome confirmado é o grupo Florence and The Machine. Dos Estados Unidos, a atração é a banda 30 Seconds To Mars. Ambos os conjuntos de rock alternativo tocarão no Palco Mundo no dia 14.

Desta maneira, o palco principal está completo para esta data, já que os brasileiros do Capital Inicial foram anunciados recentemente e os britânicos do Muse já haviam sido confirmados desde dezembro de 2012 como headliners da noite.

Liderado pela bela e excelente vocalista Florence Welch, o Florence and The Machine vem ganhando respeito de crítica e público a cada ano que passa. Com dois álbuns lançados (“Lungs”, de 2009, e “Ceremonials”, de 2011), o grupo tem sido atração rotineira nos principais festivais do planeta.

O 30 Seconds To Mars, por sua vez, é formado pelos irmãos Jared Leto (vocal, guitarra e guitarra acústica) e Shannon Leto (bateria, guitarra acústica e percussão), e também por Tomo Milicevic (guitarra, violino, teclado e guitarra acústica). Com influências de Pink Floyd, Kiss e Alice Cooper, a banda tem na bagagem mais de 6 milhões de discos vendidos em todo o mundo e está, desde o ano passado, produzindo o seu quarto álbum.

Se a edição de 2011 foi criticada por muitos pelo nível das atrações e pela distância em relação ao rock n’ roll, o Rock in Rio de 2013 não deixa dúvida que será mais voltado ao estilo musical responsável pelo seu nome. O simples fato de ter duas noites do heavy metal e atrações do rock atual que estão na crista da onda já tranformam o evento em algo que tende a despertar grande atenção de quem gosta de boa música.

No dia 15, por enquanto, os nomes anunciados para o palco principal são os de Bruce Springsteen & The E Street Band e do guitarrista John Mayer.

No dia 19, a primeira noite do metal conta simplesmente com o Metallica, novamente como headliner, além de Alice in Chains, Ghost e o Sepultura, que tocará junto com o Tambours Du Bronx.

No dia 20, há atrações mais voltadas para o rock pop, como o Nickelback e o Matchbox Twenty. No dia 21 ainda não há nomes confirmados e, no dia 22, o último do festival, as atrações da segunda noite do metal são, até agora, o Iron Maiden, Avenged Sevenfold e Slayer.

É claro que há nomes que nada tem a ver com o rock, como a cantora norte-americana Beyoncé, que toca no primeiro dia (13) do Rock in Rio. É importante lembrar, no entanto, que esta já é uma tradição deste evento, que até New Kids on The Block já conseguiu escalar.

O Rock in Rio 2013 acontecerá na capital fluminense nos dias 13, 14, 15, 19, 20, 21 e 22 de setembro. O cantor norte-americano Ben Harper também vem, só que como atração do Palco Sunset, espaço conhecido por promover encontros inusitados. Ele tocará no dia 20 de setembro de 2013 ao lado de um convidado, que será anunciado em breve. Neste mesmo palco, George Benson e Ivan Lins se apresentam juntos no dia 15.

A venda normal de ingressos para o público em geral começará em abril. A organização prevê um limite de 85 mil pessoas por noite, diferente da edição de 2011, quando havia um total de 100 mil pessoas por data. Os ingressos custarão R$ 260 (inteira) e R$130 (meia-entrada). Não haverá cobrança de taxa de conveniência. No dia 30 de outubro, houve uma pré-venda de 80 mil Rock in Rio Cards, cartões que garantem a entrada para a edição de 2013 do festival no Brasil. Eles se esgotaram em 52 minutos de venda.

Para homenagear os fãs do Florence and The Machine e do 30 Seconds To Mars, o Roque Reverso descolou dois vídeos no YouTube. Para começar, fique com “Spectrum”, do segundo álbum da banda britanica. Para fechar, fique com “This is War”, do disco de mesmo nome do 30 Seconds To Mars, lançado em 2010.

26
fev
13

David Bowie lança mais uma música do novo álbum com clipe

David Bowie - Foto: DivulgaçãoDepois de ressurgir do ostracismo e surpreender o mundo da música em janeiro com o lançamento da música inédita “Where Are We Now?” com videoclipe, David Bowie repetiu a dose neste dia 26 de fevereiro. Desta vez, o cantor inglês trouxe para o público a canção  “The Stars (Are Out Tonight)”, com direito também a clipe, que tem direção de Floria Sigismondi e participação da atriz Tilda Swinton.

Tanto “Where Are We Now?” como “The Stars (Are Out Tonight)” fazem parte do novo álbum “The Next Day”, que deve ser lançado no dia 19 de março.

O disco já está em pré-venda na loja do iTunes (US$ 12,99), será lançado numa versão standard, com 14 faixas, mas haverá também um pacote de luxo que inclui outras três faixas bônus.

“The Next Day” é o primeiro trabalho de inéditas de David Bowie desde “Reality”, de 2003.

Veja abaixo o videoclipe da música “The Stars (Are Out Tonight)”:

23
fev
13

Anthrax libera para audição faixa do AC/DC que fará parte de novo EP de covers

O leitor do Roque Reverso já havia visto por aqui que o Anthrax vai lançar um EP de covers com músicas de bandas que foram fundamentais para formar o gosto musical dos membros do grupo norte-americano de thrash metal. Depois de liberarem, para audição na internet em janeiro a faixa “Anthem”, do Rush, eles disponibilizaram para o público a clássica música “T.N.T.”, do AC/DC, e deram uma pitada levemente diferente ao som originalmente hard rock da lendária banda australiana.

O nome do EP de covers é “Anthems” e a previsão é de que ele esteja disponível para o público no dia 19 de março, na América do Norte, pela MRI/Megaforce, e no dia 22 de março, na Europa, pela Nuclear Blast.

O novo trabalho é composto por 8 faixas, sendo que 6 delas são versões para clássicos do hard rock e do heavy metal: Além de “Anthem” e “T.N.T.”, há também “Jailbreak”, do Thin Lizzy; “Smokin’” do Boston; “Big Eyes”, do Cheap Trick; e “Keep on Runnin’”, do Journey.

A lista de faixas do EP ainda conta com duas versões para “Crawl” (gravação original de estúdio e um remix), música presente no mais recente álbum do grupo, o ótimo “Worship Music”, de 2011.

O ano de 2013 vem sendo repleto de notícias do Anthrax. Inicialmente, o guitarrista Rob Caggiano deixou amigavelmente o grupo para se dedicar à produção. Depois, para substituí-lo, o grupo anunciou Jon Donais, do grupo Shadows Fall, para os shows realizados na Índia, no Soundwave Festival, na  Austrália, e para os shows da Metal Alliance Tour (que conta com a companhia do Exodus) nos Estados Unidos.

Falando em turnê australiana, por problemas particulares, o baterista do Anthrax, Charlie Benante, não poderá ir para o país. No seu lugar, está prevista a entrada temporária de Jon Dette, o mesmo que substituirá Dave Lombardo no Slayer, após toda a confusão que gerou a saída do lendário baterista cubano do grupo de Tom Araya & Cia.

Escute abaixo a versão do Anthrax para T.N.T., do AC/DC:

21
fev
13

Dave Lombardo discorda de valores pagos e será substituído por Jon Dette na bateria do Slayer

Dave Lombardo - Foto: DivulgaçãoUma verdadeira bomba abalou o mundo do heavy metal neste dia 21 de fevereiro, depois que o baterista Dave Lombardo, do Slayer, publicou um comentário no Facebook, dizendo que não participará da turnê que a banda norte-americana de thrash metal fará na Austrália a partir do dia 23 de fevereiro. Segundo Lombardo, ele recebeu um comunicado de dispensa do grupo depois de questionar a maneira como os negócios do Slayer são geridos.

Após consultar os dados financeiros da banda, o baterista constatou que apenas 10% de todo o valor que o Slayer arrecadou durante as turnês que realizou em 2012 chegaram aos bolsos dos músicos. De acordo com Lombardo, ao propor um novo modelo mais justo, encontrou resistência do guitarrista Kerry King, que deixou claro ao baterista que, se quissesse discutir o assunto, encontraria outra pessoa no comando dos bumbos da banda.

“Para que todos saibam a verdade, a partir do final do contrato que temos entre nós, que venceu em 14 de fevereiro, fui informado de que não seria o baterista para a turnê na Austrália. Estou triste, e para ser honesto, chocado com a situação”, escreveu Dave Lombardo.

Mais tarde, em nota à imprensa, o grupo rebateu o texto de Lombardo e anunciou Jon Dette, que passou pela banda na década de 90, para a bateria na turnê australiana. “Sobre o que foi citado no post de Dave Lombardo no Facebook, o  Slayer não concorda com o que  foi dito pelo Sr. Lombardo ou com a sequência dos eventos  apresentada por ele, exceto com o fato de que o Sr. Lombardo, menos de uma  semana antes da partida já marcada para a Austrália, apresentou um novo conjunto  de exigências, que eram contrárias ao que havia sido previamente acertado”, destacaram os músicos.

No texto que postou no Facebook, Lombardo ainda deixou em aberto alguma possibilidade de retorno à banda, mas, conhecendo o temperamento de Kerry King, são pequenas as chances de uma volta amigável. “Eu continuo esperançoso de que possamos resolver nossas diferenças. Mas, mais  uma vez, peço desculpar sinceras a nossos fãs na Austrália que gastaram seu  dinheiro esperando ver os 3 membros originais do Slayer. Espero vê-los no futuro”, afirmou.

Quem conhece um pouquinho de heavy metal ou thrash metal sabe o tamanho da perda gerada pela saída de Dave Lombardo ao Slayer. Considerado um dos maiores bateristas do gênero, poucos apresentaram tamanha técnica e rapidez no instrumento como este cubano.

Não é a primeira vez que Lombardo deixa as baquetas do Slayer. Ele já havia abandonado o grupo em 1986 e retornado em 1987 numa primeira oportunidade e repetido a dose em 1992, quando ficou dez anos longe do grupo, retornando somente ao posto em 2002.

O público brasileiro tende a ser um dos prejudicados neste novo embate interno do Slayer. Tudo porque o grupo vem tocar pela primeira vez no Rock in Rio, em setembro, na capital fluminense. Os fãs já estavam se acostumando a ver a banda sem o grande Jeff Hanneman na guitarra, por causa de uma picada tosca de aranha no braço. Agora, com mais esta turbulência, resta a dúvida se o Slayer conseguirá resistir como o grande grupo que é durante muito tempo. A ver…

20
fev
13

Live ‘N’ Louder acrescenta Angra entre as atrações e divulga informações sobre preços de ingressos

A lista de atrações do Live ‘N’ Louder já havia sido fechada, mas a organização do festival decidiu acatar o apelo de uma corrente de fãs brasileiros e acrescentou uma banda do País para o evento: o Angra. Além deste detalhe importante, foram divulgadas as informações sobre os ingressos, com valores e locais de compra.

O festival acontecerá no dia 14 de abril em São Paulo, no Espaço das Américas, e terá, entre as bandas internacionais, os japoneses do Loudness e os alemães do Sodom, além dos grupos norte-americanos Metal Church, Molly Hatchet e Twisted Sister, este último anunciado no final de janeiro como atração principal.

Os ingressos já estão à venda pelo site Ticket 360° (www.ticket360.com.br), na bilheteria oficial (localizada no próprio Espaço das Américas) e, na  Galeria do Rock, nas lojas Die Hard e Animal Records.

Não haverá Pista Vip e o ingresso para a Pista Comum custa R$ 300,00, um valor bem mais em conta do que muitos shows de rock, se o leitor avaliar que são várias bandas envolvidas. A entrada para o camarote tem o valor de R$ 500,00.

O horário de início do evento está previsto para as 17h40 e o horário de abertura do Espaço das Américas está agendado para as 16 horas.

Esta deverá ser a primeira parte do festival que comemora os 25 anos da produtora Top Link. A segunda parte ainda não foi anunciada, mas a torcida dos fãs de heavy metal é que ela ainda aconteça até o final de 2013.

19
fev
13

Bad Religion libera videoclipe de faixa-título de novo álbum

Veterana e respeitada banda do punk rock, o Bad Religion liberou na primeira quinzena de fevereiro o videoclipe da música “True North”. Ela é a faixa-título do mais recente álbum do grupo norte-americano que foi lançado em janeiro pela Epitaph Records.

O disco, cuja capa você pode ver ao lado, é o 16º de estúdio da carreira do Bad Religion e traz 16 faixas.

A produção do novo álbum ficou por conta do guitarrista da banda, Brett Gurewitz, e do engenheiro de som Joe Barresi, que já trabalhou com Weezer, L7 e Kyuss, entre outros grupos.

Em entrevista recente à revista Rolling Stone, o guitarrista Gurewitz disse que o disco novo é o “Bad Religion voltando para o local de onde veio”.

Veja abaixo o clipe da música “True North” e a lista de faixas do novo álbum:

Lista de Faixas

1 – True North
2 – Past is Dead
3 – Robin Hood in Reverse
4 – Land of Endless Greed
5 – Fuck You
6 – Dharma and the Bomb
7 – Hello Cruel World
8 – Vanity
9 – In Their Hearts is Right
10 – Crisis Time
11 – Dept. of False Hope
12 – Nothing To Dismay
13 – Popular Consensus
14 – My Head is Full of Ghosts
15 – The Island
16 – Changing Tide

18
fev
13

Divulgados os preços para os shows do grupo The Cure no Rio e em SP

The Cure - Foto: DivulgaçãoA produtora XYZ Live divulgou os preços para os shows que o grupo britânico The Cure fará no Brasil em abril. A banda liderada pelo vocalista Robert Smith vai se apresentar inicialmente no Rio de Janeiro, no HSBC Arena, no dia 4. Depois, vai para São Paulo, onde tocará no Estádio do Morumbi, no dia 6. Para variar, os ingressos estão bastante salgados e podem chegar a R$ 500,00 na capital paulista e a R$ 600,00 na fluminense.

Apesar de a produtora ter informado no final de janeiro que as vendas de ingressos em São Paulo começariam no dia 18 de fevereiro, a data foi postergada para o dia 21 no site www.livepass.com.br. Quanto ao Rio de Janeiro, o início da comercialização também mudou, do dia 19 de fevereiro para o dia 26, no mesmo endereço virtual.

Na capital fluminense, os preços das entradas são os seguintes: Pista (R$ 300,00); Pista Premier (R$ 600,00); Camarote (R$ 600,00); Nível 1 Lateral (R$ 500,00); Nível 1 Frontal (R$ 450,00); Nível 3 (R$ 200,00). Para todos os locais, há a possibilidade da compra da meia entrada.

Em São Paulo, onde o limite de público definido é de 40 mil pessoas, os preços dos ingressos são os seguintes: Pista (R$ 275,00); Pista Premium (R$ 500,00); Arquibancada A (R$ 200,00), Arquibancada B1 (R$ 200,00), Arquibancada B2 (R$ 200,00); Arquibancada C (R$ 125,00), Cadeira Coberta A (R$ 350,00); Cadeira Coberta B (R$ 350,00); Cadeira Coberta C (R$ 350,00); Cadeira Premium C (R$ 375,00); Cadeira Inferior A (R$ 325,00); Cadeira Inferior B (R$ 325,00).

Além dos shows no Brasil, a turnê que marca o retorno dos músicos à América do Sul após 17 anos ainda contará com passagens por Paraguai, Argentina, Chile, Peru e Colômbia. A banda já esteve no Brasil em 1987 e 1996. Na segunda vez em solo brasileiro, participou da última edição do saudoso Hollywood Rock. Naquele festival o grupo se apresentou na mesma noite que Smashing Pumpkins, Supergrass e White Zombie.

16
fev
13

Loudness e Sodom completam lista de atrações do Live ‘N’ Louder em SP

Mais dois nomes foram confirmados pela organização do Live ‘N’ Louder. A banda japonesa Loudness e o grupo alemão Sodom completam a lista de atrações do festival, que acontecerá no dia 14 de abril em São Paulo, no Espaço das Américas.

Eles se juntam aos demais nomes já divulgados anteriormente: os grupos norte-americanos Metal Church, Molly Hatchet e Twisted Sister, este último anunciado no final de janeiro como atração principal.

Por enquanto, não há informações sobre preços dos ingressos e locais de venda. Mas a produtora promete anunciar estes detalhes em breve.

Esta deverá ser a primeira parte do festival que comemora os 25 anos da produtora Top Link. A segunda parte ainda não foi anunciada, mas a torcida dos fãs de heavy metal é que ela ainda aconteça até o final de 2013.

Loudness e Sodom são bandas veteranas dos anos 80. A primeira, mais voltada para o heavy e glam metal, foi o primeiro grupo japonês a assinar um contrato com uma gravadora dos Estados Unidos.

O Sodom, por sua vez, faz parte de uma lista clássica do thrash metal alemão, que conta, por exemplo, com o Kreator e o Destruction. Ficaram também famosos na cena brasileira depois de confusões arranjadas com o Sepultura numa turnê em 1989.

Para celebrar a vinda do Loudness e do Sodom, o Roque Reverso descolou vídeos no YouTube. Da primeira banda, fique com “You Shook Me”, do álbum “Soldier of Fortune”, de 1989. Da segunda, fique com o clipe ao vivo de “Agent Orange”, do disco de mesmo nome, lançado também em 1989.

15
fev
13

Alice in Chains define nome e mês de lançamento de novo álbum

O Alice in Chains definiu o nome e o mês de lançamento de seu novo álbum. “The Devil Put Dinosaurs Here” é o título escolhido para o quinto disco do grupo norte-americano de Seattle que chegará para os fãs em maio de 2013.

A produção do novo trabalho é de Nick Raskulinecz. Ele já esteve com grupos, como o Foo Fighters e o Deftones.

“The Devil Put Dinosaurs Here” será o primeiro álbum de estúdio da banda desde “Black Gives Way to Blue”, de 2009, e o segundo com os vocais do bom William DuVall, que substituiu o saudoso Layne Staley, morto em 2002.

O Alice in Chains começou a trabalhar neste disco novo ainda em 2011, mas as sessões tiveram que ser adiadas por um tempo, quando o guitarrista Jerry Cantrell sofreu uma cirurgia no ombro.

Em dezembro, o grupo já havia lançado o single de “Hollow”, o primeiro do novo álbum.

Fique abaixo com o clipe da música:

13
fev
13

Projeto Hendrix 70 homenageou ícone eterno da guitarra em SP

Por Rafael Arbex*

Em novembro do ano passado, Jimi Hendrix comemoraria 70 anos e, como não podia deixar de ser, as homenagens surgiram por todos os lados. Hendrix revolucionou o modo de tocar guitarra, introduziu as distorções e microfonias, dando mais peso ao som e influenciando a maioria dos guitarristas que surgiram a partir daquela época. Mais do que normal, as homenagens a Hendrix se tornam verdadeiros tributos à guitarra. E, no Sesc Vila Mariana, não foi diferente, entre os dias 1º e 3 de fevereiro com o projeto Hendrix 70.

Representando três gerações de guitarristas brasileiros, o projeto reuniu Lanny Gordin, guitarrista que na época de 60 participou do movimento tropicalista e compôs arranjos e harmonias para álbuns de grande importância; Edgar Scandurra, músico que teve grande participação no cenário do rock brasileiro da década de 80 com o Ira!; Andreas Kisser, guitarrista da banda Sepultura, que participou de grandes projetos nacionais e internacionais; e Martin, que vem se destacando como guitarrista dos projetos de Pitty.

A cantora, por sinal, também esteve presente no espetáculo, ao lado de Hélio Flanders, vocalista do Vanguard. Eles deram voz a uma boa parte das canções.

As três noites de shows tiveram ingressos esgotados por uma plateia bem diversificada. Desde senhores com suas camisetas dos Beatles até pré-adolescentes atrás de um aceno da Pitty.

As apresentações tiveram pouca interferência de produção no palco, dando ar de um grande ensaio em estúdio, sem cenas marcadas nem atos ensaiados, uma verdadeira Jam session, onde a qualidade técnica dos músicos e os improvisos, que também marcavam as apresentações de Hendrix, eram ressaltados. Como o Rock deve ser…

Os grandes hits estavam lá, muito bem tocados, tanto pelos astros da noite como pela ótima banda de apoio, formada pelo baterista Loco Sosa, o baixista Du Moreira e o guitarrista Estevan Sinkovitz, que ainda interagiram com o público, ora ressaltando o quanto importante era para eles tocarem aquelas noites, ora “provocando” os músicos convidados.

O clima descontraído teve seu auge no final do terceiro dia, com todos os músicos no palco. Eles já haviam terminado o bis, as luzes já estavam acesas e todos já desarmavam seus instrumentos, quando Andreas puxou o riff de “Sunshine of Your Love”, música de Eric Clapton também interpretada por Hendrix. Imediatamente todos voltaram a seus postos e, em poucos segundos, o espetáculo foi retomado.

Uma faixa bônus, tão bem executada quanto todas as demais. Um final não tão irreverente quanto as apresentações do homenageado, mas com a espontaneidade que o rock deve ter.

Veja dois vídeos descolados do YouTube sobre o grande encontro. Para começar, fique com “Foxy Lady”. Depois assista ao vídeo de “Stone Free”.

*Rafael Arbex é jornalista e amante  do bom e velho rock n’ roll

11
fev
13

Tomahawk, banda de Mike Patton, lança novo clipe com show de efeitos visuais

Depois de ter lançado um novo álbum em janeiro, o Tomahawk, de Mike Patton, liberou no começo de fevereiro um novo clipe para seus fãs. O projeto paralelo do eterno vocalista do Faith No More decidiu fazer um vídeo cheio de efeitos visuais interessantes para a faixa-título “Oddfellows”, que é uma das melhores do novo trabalho.

O clipe foi dirigido por Vincent Forcier, que também foi o responsável pela animação.

O álbum “Oddfellows” tem 13 músicas e foi lançado pela gravadora Ipecac. É o quarto disco do grupo, que já gravou “Tomahawk”, de 2001, “Mit Gas”, de 2003, e “Anonymous”, de 2007.

Para quem não conhece o Tomahawk, ele foi fundado em 2000. Inicialmente, Patton passou a trocar gravações com o guitarrista Duane Denison (ex-Jesus Lizard) apenas com intuito de colaborar musicalmente. Mas o projeto começou a ganhar maior proporção após Denison recrutar o baterista John Stanier, que foi simplesmente da formação original do ótimo Helmet.

Depois disso, o vocalista do Faith No More convidou o baixista Kevin Rutmanis, do Melvins, e a banda se consolidou e virou mais um laboratório musical do insano Patton, que não se cansa de participar das mais diversas experiências com outros grupos. Em “Oddfellows”, a banda conta com um novo baixista: Trevor Dunn, que tocou em outros projetos de Patton, como o Fantomas e o Mr. Bungle.

Os brasileiros terão a sorte de ver o Tomahawk ao vivo no Lollapalooza 2013, que acontecerá nos dias 29, 30 e 31 de março no Jockey Club, em São Paulo. Eles tocarão no dia 30, quando também o Queens of The Stone Age, o Franz Ferdinand e o The Black Keys vão se apresentar, entre outras atrações já confirmadas para a segunda edição do aguardado festival.

Veja abaixo o clipe de “Oddfellows”.

09
fev
13

Live ‘N’ Louder confirma Metal Church e Molly Hatchet; festival será realizado no Espaço das Américas

A organização do festival Live ‘N’ Louder confirmou mais dois nomes para a edição do evento que acontecerá no dia 14 de abril em São Paulo. De acordo com a produtora Top Link, os grupos norte-americanos Metal Church e Molly Hatchet são as atrações que farão companhia ao Twisted Sister, a banda principal escolhida, anunciada no final de janeiro.

Outra informação relevante divulgada pela produtora é que o festival deverá ser realizado no Espaço das Américas, um espaço menos badalado e bem menor que os das edições anteriores, já que o evento de 2005 foi no Estádio do Canindé, e o de 2006 foi na Arena Anhembi.

Por enquanto, não há informações sobre preços dos ingressos e locais de venda. Mas a produtora promete anunciar estes detalhes, além de novas atrações, em breve.

O Metal Church é um grupo de heavy metal veterano dos anos 80 e absorveu influências do thrash metal quando ele nascia. O Molly Hatchet, por sua vez, é uma banda de southern metal que foi criada nos anos 70. Os dois nomes vem pela primeira vez ao Brasil.

Para celebrar a vinda do Metal Church e do Molly Hatchet, o Roque Reverso descolou vídeos no YouTube. Da primeira banda, fique com “Date With Poverty”, do álbum “The Human Factor”, de 1991. Do segundo grupo, fique com “Flirtin’ With Disaster”, do disco de mesmo nome lançado em 1979.




Se você tem interesse na divulgação da sua empresa, seu trabalho ou banda, o Roque Reverso é um veículo que possui um respeitável número de leitores. Entre em contato conosco para conhecer nossos diversos planos:  roquereverso@hotmail.com

Siga o Roque Reverso no Instagram!!!

Preencha abaixo para receber atualizações do nosso site em primeira mão e gratuitamente pelo seu e-mail! Não se esqueça de confirmar o recebimento do e-mail depois.

Junte-se aos outros seguidores de 102

fevereiro 2013
D S T Q Q S S
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
2425262728  

Arquivos

Roque Reverso no Twitter

Bandas, estilos, festivais, etc

O Roque Reverso está no ar!!!

Seja bem-vindo ao blog do rock and roll! Clique para acessar o post de abertura do blog!

Post inicial

SOBRE VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

SOBRE OS VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

Categorias

Follow Roque Reverso << on WordPress.com