Posts Tagged ‘Joey Castillo

06
nov
12

Dave Grohl deverá voltar a tocar bateria no Queens of The Stone Age no disco novo da banda

Se você pensava que ficaria sem ver Dave Grohl por algum tempo no meio musical, enganou-se redondamente. O líder do Foo Fighters, que anunciou em outubro uma pausa por um tempo indeterminado da banda, deverá ser o baterista do novo disco do Queens of The Stone Age, previsto para ser lançado em 2013. A informação foi dada por ninguém menos que Josh Homme, vocalista e dono do QoTSA. Em entrevista à britânica BBC Radio 1, ele disse que o ótimo baterista Joey Castillo deixou o grupo e que considerava Grohl “o único homem” para a gravação do novo trabalho.

É o retorno de Grohl ao QoTSA, já que ele gravou o sensacional “Songs for the Deaf”. O álbum, lançado em 2002, é considerado o melhor da banda de Josh Homme por muitos fãs.

Não foi somente no Queens of The Stone Age que Grohl e Homme tocaram juntos. Eles também formaram, ao lado de ninguém menos que John Paul Jones (baixista do Led Zeppelin), o elogiado projeto Them Crooked Vultures.

Além da entrevista de Josh Homme à BBC Radio 1, as páginas do QoTSA no Twitter e no Facebook vieram recentemente com fotos que traziam o nome “Dave” na mesa de som do estúdio da banda.

A volta do ex-Nirvana ao Queens of The Stone Age deve trazer coisa boa aos fãs. Fica a torcida também para que ele venha ao Lollapalooza 2013, já que o grupo é um dos nomes principais escalados para tocar no festival, em São Paulo, em março do ano que vem.

23
maio
11

Danzig volta ao Brasil em julho para shows em SP e Curitiba

O Danzig, uma das bandas de maior qualidade do rock pesado dos anos 80 e 90, voltará ao Brasil em julho. Liderado pelo vocalista e compositor Glenn Danzig, o grupo retorna ao País depois de 16 anos para shows em São Paulo, no dia 16, no HSBC Brasil, e no dia 17, no Master Hall, em Curitiba. As apresentações fazem parte da turnê de divulgação do álbum “Deth Red Sabaoth”, lançado em junho do ano passado.

Da formação original, restou apenas Glenn Danzig. Dono de um gênio difícil, mas extremamente criativo, o vocalista foi fundador do célebre grupo punk Misfits no final dos ano 70. Depois da saída do Misfits e de formar o grupo Samhain, Danzig fundou em 1987  a banda com o próprio nome e trouxe para sua companhia músicos talentosos, como John Christ (guitarra), Eerie Von (baixo) e Chuck Biscuits (bateria).

Com o apoio do Metallica, que sempre foi fã das músicas de Glenn Danzig desde os tempos da banda punk, o grupo de rock sombrio conseguiu um bom número de seguidores. Os álbuns “Danzig”, de 1988, “Danzig II: Lucifuge”, de 1990; e “Danzig III: How the Gods Kill”, de 1992, são itens obrigatórios para quem gosta das clássicas guitarras perturbadoras de John Christ, do baixo contundente de Eerie Von, da pegada forte de bateria de Chuck Biscuits e, claro, da voz marcante do líder da banda.

O disco “Danzig 4p” foi o último da formação clássica e já não trouxe a banda no mesmo nível dos álbuns anteriores, mas foi na turnê para a divulgação deste trabalho que os fãs brasileiros tiveram a oportunidade de conhecer os músicos ao vivo. O grupo tocou em 1995 no saudoso Olympia, em São Paulo. Com o baterista Joey Castillo (hoje do Queens Of The Stone Age) já no lugar de Biscuits, o show foi visto por poucas pessoas. Este jornalista viu a banda muito de perto e considera aquela apresentação uma das melhores que já viu em um lugar fechado na capital paulista.

Problemas internos da banda fizeram Christ e Eerie Von também deixarem a banda na sequência. O que se viu foi o Danzig perder o espaço conquistado com os sucessos dos álbuns seguintes. Nem mesmo a entrada do guitarrista Tommy Victor, fundador do Prong, reanimou a banda, que lançou álbuns pouco comentados pela público do metal.

Depois de flertar com sons diferentes das características originais, o Danzig lançou em 2010 seu mais recente álbum, numa tentativa de resgatar o som do começo de carreira. Atualmente, o grupo prepara um trabalho de releituras com músicas de outros artistas, entre os quais provavelmente estarão Black Sabbath e Elvis Presley.

Para os shows de julho no Brasil, o grupo deve contar com Glenn Danzig, Tommy Victor, Johnny Kelly (ex-Type O Negative) e Steve Zing (Samhain) no baixo. Não foi divulgado, por enquanto, se haverá uma banda de abertura para as apresentações.

Na capital paulista os ingressos custam entre R$ 120 (pista – primeiro lote) e R$ 280,00 (camarote e Pista Vip) e já estão disponíveis através do site www.ingressorapido.com.br e na bilheteria da casa de shows HSBC Brasil (www.hsbcbrasil.com.br). Em Curitiba, os ingressos podem ser comprados de maneira promocional a R$ 74, mas vale a pena se informar no www.diskingressos.com.br.

Para comemorar a vinda do Danzig ao Brasil, o Roque Reverso descolou três vídeos da banda. Para começar, claro que selecionaríamos a clássica “Mother”, numa versão ao vivo gravada em 1993. Depois, do mesmo álbum, temos “Twist of Cain”. Para fechar o vídeo picante de “Ju Ju Bone”, música do novo álbum, bem ao estilo tradicional do grupo.

Nota do Blog: No dia 29 de junho, a produtora Top Link anunciou que as apresentações do Danzig foram canceladas.

20
out
10

Sem frescuras, Queens of The Stone Age trouxe rock da maior qualidade ao SWU

As expectativas se confirmaram e o Queens of The Stone Age fez, sem a menor dúvida, um dos melhores shows do SWU Festival, evento que foi realizado em Itu entre os dias 9 e 11 de outubro. Com um rock bastante básico, sem frescuras e com bastante peso, a banda liderada pelo guitarrista e vocalista Josh Homme mostrou que não é preciso trazer para o palco um mundo de parafernálias para alegrar a galera com boa música. Os caras subiram ao palco, tocaram um excelente rock and roll, falaram o necessário com o público e foram embora. E a maioria das pessoas que estiveram na Arena Maeda no terceiro dia do festival para ver o grupo ficou com a sensação de ter assistido a uma apresentação de qualidade.

Para sermos justos, o show do Queens of The Stone Age não teve a vibração fora do comum que a apresentação do Rage Against The Machine provocou no sábado. Mas também não contou com a quantidade de empecilhos que o grupo liderado por Zack de la Rocha e o público foram obrigados a enfrentar no primeiro dia do SWU.

CONTINUE LENDO AQUI!!!




Se você tem interesse na divulgação da sua empresa, seu trabalho ou banda, o Roque Reverso é um veículo que possui um respeitável número de leitores. Entre em contato conosco para conhecer nossos diversos planos:  roquereverso@hotmail.com

Preencha abaixo para receber atualizações do nosso site em primeira mão e gratuitamente pelo seu e-mail! Não se esqueça de confirmar o recebimento do e-mail depois.

Junte-se a 101 outros seguidores

agosto 2019
D S T Q Q S S
« jul    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Arquivos

Roque Reverso no Twitter

Bandas, estilos, festivais, etc

O Roque Reverso está no ar!!!

Seja bem-vindo ao blog do rock and roll! Clique para acessar o post de abertura do blog!

Post inicial

SOBRE VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

SOBRE OS VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

Categorias