Posts Tagged ‘Fernando Cardoso

09
jul
12

Violeta de Outono tocará novo álbum na íntegra em show de lançamento em SP

O grupo brasileiro Violeta de Outono se apresentará no dia 12 de julho na Choperia do Sesc Pompeia, em São Paulo. O show marcará o lançamento do novo álbum da banda paulistana, “Espectro”, que será tocado na íntegra para os fãs. Desde 1986, por sinal, o conjunto de rock progressivo e psicodélico tem lançado todos os seus discos na unidade do Sesc, que neste ano de 2012 comemora 30 anos.

Como já bem destacou o Roque Reverso por meio da resenha do jornalista Ricardo Gozzi, “Espectro” é uma espécie de “viagem astral”, com início, meio e fim. O nono álbum do Violeta, tem também como destaque o baterista José Luiz Dinola, novo integrante da banda e fundador do grupo A Chave do Sol.

Além de Dinóla, o Violeta de Outono conta com Fabio Golfetti (guitarra e vocal), Gabriel Costa (baixo) e Fernando Cardoso (órgão Hammond, piano e sintetizadores). Golfetti continua como o líder do grupo, que dá um show à parte na parte instrumental do novo trabalho.

A apresentação no Sesc Pompeia não ficará restrita a “Espectro”. A banda promete tocar músicas do penúltimo álbum, “Volume 7”, de 2007, e também do seu repertório clássico, dos discos “Violeta de Outono” e “Em Toda Parte”, lançados na década de 80.

Os ingressos para o show custam R$ 16,00 (inteira). Usuário inscrito no Sesc e dependentes, maiores de 60 anos, professores da rede pública de ensino e estudantes com comprovante pagam R$ 8,00. Trabalhador no comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes pagam R$ 4,00.

06
jul
12

Novo disco do Violeta de Outono é viagem astral com início, meio e fim

A lendária banda brasileira paulistana Violeta de Outono acaba de lançar Espectro, seu nono álbum. O Roque Reverso recebeu esta semana uma cópia do CD gentilmente cedida pela banda e dá a seguir sua modesta opinião.

Mescla de música e poesia de boa qualidade, Espectro é uma viagem astral com princípio, meio e fim.

O CD abre com a bela Formas-Pensamento. Na sequência, um ouvido mais desatento talvez não se dê conta das passagens por Montanhas da Mente, Dia Azul e Ondas Leves, mas elas estão ali, quase como se fossem uno.

Claro Escuro não rompe a psicodelia, mas traz o ouvinte de volta ao chão, como uma turbulência, exigindo a atenção do piloto no meio de uma viagem tranquila.

O voo então continua com Algum Lugar e Anos-Luz, que conduzem a Espectro, faixa instrumental que dá nome ao novo trabalho do Violeta de Outono. Solstício fecha o ciclo, ou melhor, o disco.

O Violeta do Outono é formado atualmente por Fabio Golfetti (guitarra e vocais), Gabriel Costa (baixo), Fernando Cardoso (teclados) e José Luiz Dinóla (bateria). Lenda por lenda, aliás, o atual batera do Violeta de Outono foi um dos fundadores do também lendário A Chave do Sol.

Ao término de Solstício, uma versão demo intitulada News From Heaven reúne, com sutis alterações, o instrumental e a melodia de Formas-Pensamento a uma letra em inglês e deixa a vontade de se reiniciar a viagem pelas faixas de Espectro, trilha sonora para 2012 e além.

O vídeo a seguir mostra uma bela versão ao vivo do Violeta de Outono para Tomorrow Never Knows, de ninguém mais ninguém menos que uns tais de Beatles.




Se você tem interesse na divulgação da sua empresa, seu trabalho ou banda, o Roque Reverso é um veículo que possui um respeitável número de leitores. Entre em contato conosco para conhecer nossos diversos planos:  roquereverso@hotmail.com

Siga o Roque Reverso no Instagram!!!

Preencha abaixo para receber atualizações do nosso site em primeira mão e gratuitamente pelo seu e-mail! Não se esqueça de confirmar o recebimento do e-mail depois.

Junte-se aos outros seguidores de 104

junho 2020
D S T Q Q S S
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  

Arquivos

Roque Reverso no Twitter

Bandas, estilos, festivais, etc

O Roque Reverso está no ar!!!

Seja bem-vindo ao blog do rock and roll! Clique para acessar o post de abertura do blog!

Post inicial

SOBRE VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

SOBRE OS VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

Categorias