Archive for the 'Doom Metal' Category



13
jul
12

Dia do Mundial Rock + Sexta-feira 13

O Dia Mundial do Rock caiu em 2012 em plena Sexta-feira 13!! Há quem diga que esta simples combinação pode ser transformada em rock pesado e dos bons, já que o heavy metal e suas vertentes estão aí para comprovar. Se um dia comum do rock já é uma data diferente, imagine se vier apimentado com esta data marcante do calendário dos superticiosos.  

Para quem não sabe, apesar de ter sido criado nos anos 50, o rock ganhou pra valer uma data de comemoração apenas em 1985, ano do primeiro Live Aid, concerto beneficente em prol das vítimas da fome na Etiópia realizado exatamente no dia 13 de julho daquele ano em Londres e na Filadélfia. O evento foi organizado pelo músico Bob Geldof  (cantor da banda irlandesa Boomtown Rats) e teve a participação de vários astros de rock.

Quanto à Sexta-feira 13, no cristianismo, ela é relatada com um evento de má sorte em 13 de Outubro de 1307, sexta-feira, quando a Ordem dos Templários foi declarada ilegal pelo rei Filipe IV de França. Os seus membros foram presos simultaneamente em todo o país e alguns torturados e, mais tarde, executados por heresia.

Como o assunto aqui é rock e há este fator adicional para apimentar, o Roque Reverso descolou alguns sons que poderiam traduzir esta data. Fique com “Hells Bells”, do AC/DC; “Cemetery Gates”, do Pantera; “Go To Hell”, do Megadeth; e “Pet Sematary”, dos Ramones.

18
abr
12

Jim Marshall: o homem que amplificou o rock

Por Marcelo Galli*

A ida para a Inglaterra fez bem para Jimi Hendrix em dois sentidos: reconheceram sua genialidade e ele pôde ter contato com as engenhocas de Jim Marshall, também conhecido como o Pai do Barulho, morto no dia 5 de abril, aos 88 anos.

O rock sem os amplificadores Marshall é imaginar que Hendrix poderia soar como um músico medieval tocando num convento durante o inverno europeu (com direito a aparecer em algum romance do Umberto Eco). É exagero, mas mentira não é. Nenhum amplificador disponível no mercado em 1967 proporcionaria o estrago sonoro que é “Foxy Lady”, a primeira música de “Are You Experienced”. Ou ainda “Spanish Castle Magic”, do “Axis: Bold as Love”, lançado em 1º de dezembro daquele mesmo ano.

A tradicional caixa preta e o nome em letras estilizadas em cor branca provocam fascínio inexplicável em roqueiros do mundo todo. Outro dia folheando meu caderno do primeiro colegial me deparei com alguns desenhos de amplificadores da marca e guitarras Gibson.

Na época gostava, de Guns N’ Roses. Ora, esse era o set básico do Slash, combinação também adotada por Jimmy Page. Ritchie Blackmore, Tony Iommi, Eric Clapton e Pete Townshend usaram equipamentos fabricados pelo empreendedor inglês; praticamente toda a cena heavy metal dos anos 1980 foi amplificada por Marshalls (os leitores do Roque Reverso que curtem metal devem lembrar da parede de amplificadores nos shows do Slayer).

Em resumo, o rock não seria rock sem os amplificadores Marshall – na certa a empresa nunca usou um slogan como esse, mas está liberada para usá-lo– quero meu pagamento de direito autoral em forma de mais barulho.

*Marcelo Galli é jornalista da Agência Estado e amante do bom e velho rock n’ roll

24
nov
11

2 anos de Roque Reverso!!!!!

O Roque Reverso faz 2 anos de existência nesta quinta-feira!!! Se, quando comemoramos o primeiro aniversário, o total de mais de 26 mil acessos já foi uma grande alegria, o que dizer dos mais de 83 mil alcançados atualmente???!!!!

“Long live rock’n’roll”, cantaria o saudoso Ronnie James Dio, que nos deixou no ano passado para ficar ao lado de Jimi Hendrix, Jim Morrison e Janis Joplin em outras paradas.

A cada acesso computado e a cada busca no Google que acaba caindo neste blog, é imensa a nossa satisfação de poder estar levando informação e divertimento aos tantos fãs deste estilo tão maltratado atualmente, especialmente no Brasil, onde os grandes meios de comunicação são obrigados a recorrer ao passado para ter algo interessante do estilo para tocar.

Vocês, queridos leitores, não imaginam o quanto é gratificante ver, por exemplo, um fã escrever que nossas resenhas reproduziram com fidelidade o show que ele participou. Ou como é legal saber que o blog já é um local de procura de set lists das várias apresentações que estão sendo vistas no Brasil nesta verdadeira explosão de shows internacionais. Com tudo isso, a nossa responsabilidade em manter a qualidade e trazer informações diferenciadas aumenta a cada dia.

Mais uma vez, agradecemos aos amigos que sempre nos incentivaram; aos outros novos amigos que conhecemos em shows de rock e arriscaram entrar no blog para conhecer nossos textos; e ao grupo de amigos online que nunca vimos pessoalmente, mas que participam das nossas discussões deste espaço ativamente.

Para comemorar o segundo aniversário do Roque Reverso, decidimos escolher vídeos de alguns dos grandes momentos que marcaram o rock aqui no Brasil neste período. Para começar, fique com dois grandes acontecimentos do Rock in Rio 2011: momentos apoteóticos do Slipknot com “Duality”, num dos shows que entraram para a história do festival, e, claro, o Metallica na sequência, com o encerramento da apresentação histórica com “Seek & Destroy”.

Na sequência, fique com dois grandes momentos do rock vistos especialmente em São Paulo: o U2 no Estádio do Morumbi com a dobradinha  “All I Want Is You/Where The Streets Have No Name”, no último dos 3 dias de shows na cidade pela incrível “360° Tour”; e o Pearl Jam, com a última música da apresentação do segundo dia no mesmo estádio: “Yellow Ledbetter”. “Long live rock’n’roll!”

24
nov
10

1 ano de Roque Reverso!!!!!

O tempo voou e o Roque Reverso faz hoje exatamente 1 ano de existência!!!! Com mais de 26 mil acessos às páginas do blog neste período, 155 posts publicados e 357 comentários realizados nas mais diversas discussões e listas de preferências, aquilo que surgiu apenas como uma simples curtição ligada ao bom e velho rock and roll vai ganhando diariamente proporções que já fogem do nosso controle.

Graças a vocês, queridos leitores, cresce cada vez mais a nossa vontade de abastecer este local com novidades e curiosidades do mundo do rock. Um set list, um anúncio de show, CD ou DVD, uma resenha ou um simples vídeo do YouTube sempre serão usados aqui para gerar discussões entre os fãs deste estilo imortal.

A ideia de criação do blog surgiu depois das várias conversas que tínhamos sobre o cenário pouco animador vivido pelo rock nesta primeira década do novo milênio. Depois de décadas de criatividade e do surgimento de inúmeras vertentes do estilo, a marasmo e a falta de novidades de qualidade tomou conta do nosso tipo de música preferida.

Isso incomodava demais e vivíamos dizendo que faríamos algo juntos ligados ao rock para relembrar bons momentos do estilo. O retorno do AC/DC ao Brasil no ano passado foi a fagulha que faltava para trazer a ideia do blog.

Banda venerada por 10 entre 10 fãs do verdadeiro rock and roll, o retorno do grupo australiano gerou nestes dois blogueiros a vontade de produzir algo que honrasse as boas bandas do estilo, em detrimento das porcarias emos ou coloridas que começaram a invadir o gosto adolescente global.

Neste 1 ano de blog, felizmente, o rock deu um belo respiro, especialmente por conta da batelada de bons shows de bandas importantes que passaram pelo Brasil. AC/DC, Metallica, Aerosmith, Megadeth, Living Colour, Rush, Pixies, Rage Against The Machine, Queens of The Stone Age e Paul McCartney foram alguns dos exemplos sensacionais que mostraram que a boa música ainda tem vez no mundo do rock.

Decidimos escolher o que mais marcou, para nós, o rock neste 1 ano de Roque Reverso. Para Ricardo Gozzi, o show do AC/DC no Morumbi em 2009 foi o grande momento e a morte de Ronnie James Dio já em 2010 foi a grande perda do rock. Para Flavio Leonel, os dois shows do Metallica no mesmo estádio e as passagens do Biohazard e do Death Angel por São Paulo em casas pequenas, todas neste ano, jamais serão esquecidas, da mesma maneira que a lacuna deixada por Dio também nunca será preenchida.

Agradecemos aos amigos da redação que sempre nos incentivaram; aos outros novos amigos que conhecemos em shows de rock e arriscaram entrar no blog para conhecer nossos textos; e ao grupo de amigos online que nunca vimos pessoalmente, mas que participam das nossas discussões deste espaço ativamente.

Para comemorar o aniversário do Roque Reverso, é claro que recorreremos aos vídeos do YouTube. Como o momento é de alegria e Dio já foi devidamente homenageado em outro post, fiquem com dois vídeos que mostram as passagens do AC/DC e do Metallica por aqui. Do AC/DC, temos a mais do que clássica  “For Those About to Rock (We Salute You)”, que fechou o show dos australianos em novembro do ano passado. Do Metallica, temos a introdução do show do dia 30 de janeiro e o clássico do metal “Creeping Death”.

16
abr
10

Confirmada oficialmente a morte do vocalista do Type O Negative

Faleceu na quarta-feira (14) Peter Steele, vocalista, baixista e líder do Type O Negative, banda que marcou época na década de 90 pela execução de um heavy metal sombrio e competente (mais precisamente no estilo gothic metal e doom metal), digno de colocar no chinelo qualquer trilha sonora de filme de terror. A notícia da morte de Steele foi confirmada na quinta-feira à noite no site da banda, por meio de um comunicado oficial.

Inicialmente, rumores começaram a circular pela internet durante todo o dia de ontem até que o número elevado de acessos travou o fórum do site da banda, que, no final da tarde corrigiu o problema. No comunicado oficial, os membros remanescentes do Type O Negative citam uma insuficiência cardíaca como provável motivo da morte de Steele, mas destacaram que a causa oficial será confirmada apenas depois dos resultados da autópsia.

Enfatizaram também que, ironicamente, o vocalista (que lutava contra o vício em cocaína e álcool), estava passando por um longo período de sobriedade e saúde melhorada.  Disseram que ele se preparava para começar a escrever e gravar música nova para o álbum que sucederia o disco “Dead Again”, de 2007, mais recente da banda.

O vampiresco Steele era um símbolo sexual do público feminino do metal. Talvez por causa daqueles olhos acinzentados contrastando com o negro dos cabelos e das roupas. (Opa! Vamos parar como essa viadagem porque este blog não é voltado ao público emo!) Deixando o humor inapropriado para o momento triste de lado, o fato é que o cara até fez fotos peladão para a revista PlayGirl, por conta de sua popularidade com a mulherada.

Confirmada a morte de Steele, resta a nós, do Roque Reverso, uma humilde homenagem a uma grande banda, aos fãs e ao vocalista. Direto do Youtube, descolamos três dos maiores sucessos da banda. Primeiro, temos o hit “Black No. 1”, do álbum “Bloody Kisses”, de 1993. Na sequência, o vídeo de “Christian Woman”, também do mesmo álbum. Para fechar, o vídeo de “My Girlfriend’s Girlfriend”, do álbum “October Rust”, de 1996.

R.I.P. Mr. Steele!




Se você tem interesse na divulgação da sua empresa, seu trabalho ou banda, o Roque Reverso é um veículo que possui um respeitável número de leitores. Entre em contato conosco para conhecer nossos diversos planos:  roquereverso@hotmail.com

Siga o Roque Reverso no Instagram!!!

Curtas do Roque Reverso -> Para você que está pensando em ir ao aguardado show que o Greta Van Fleet realizará em São Paulo na Audio, uma notícia nada boa: os ingressos estão já no terceiro lote e saltaram do valor inicial de R$ 220,00 (https://roquereverso.com/2019/02/04/greta-van-fleet-snow-patrol-e-outras-bandas-tocarao-nas-lolla-parties-em-sp/) para inacreditáveis R$ 320,00 (inteira). Integrantes da equipe do Roque Reverso se deslocaram por volta das 13h30 (horário de Brasília) deste sábado, 9 de fevereiro, ao longínquo Credicard Hall, na zona sul da capital paulista, e tiveram esta nada agradável "surpresa", ao tentar fugir das famigeradas taxas de conveniência e entrega. Obviamente, como não temos carteirinha de estudante (e não adotamos mecanismos fora dos meios legais para adqui-la), como não existe facilidade alguma (como parcelamento ou coisa parecida) e como tivemos a sensação de "assalto", decidimos não comprar. Tudo porque há uma linha divisória clara entre ser fã de uma banda e ser trouxa. Sabemos que o Greta Van Fleet é uma ótima banda, que é uma promessa cada vez mais clara de algo bom e duradouro para o rock n' roll e que, muito provavelmente, vai ganhar um ou mais prêmios Grammy na cerimônia do domingo, nos Estados Unidos. Mas os organizadores de shows brasileiros vêm abusando demais em relação aos preços de ingressos de quem só pode pagar entrada inteira.Resta a cada fã se sujeitar ou não a estes abusos. Com este caso relatado e com as últimas negativas de credenciais de imprensa que o Roque Reverso vem recebendo da assessoria de imprensa da Time For Fun (suspeitamos de retaliação por fazermos nossas habituais criticas jornalísticas nas resenhas de shows), é muito provável que este veículo de imprensa fique fora das coberturas dos shows do Greta Van Fleet, tanto do Lollapalooza Brasil, como do show na Audio pelas Lolla Parties. É muito triste especialmente para nós, que fomos um dos primeiros veículos brasileiros a falar da banda e o primeiro do País a publicar uma entrevista exclusiva com os integrantes. Não desistiremos tão fácil de ir, mas avisamos nossos queridos leitores do ocorrido. #roquereverso #gretavanfleet

Preencha abaixo para receber atualizações do nosso site em primeira mão e gratuitamente pelo seu e-mail! Não se esqueça de confirmar o recebimento do e-mail depois.

Junte-se a 100 outros seguidores

fevereiro 2019
D S T Q Q S S
« jan    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
2425262728  

Arquivos

Roque Reverso no Twitter

Bandas, estilos, festivais, etc

O Roque Reverso está no ar!!!

Seja bem-vindo ao blog do rock and roll! Clique para acessar o post de abertura do blog!

Post inicial

SOBRE VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

SOBRE OS VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

Categorias