Arquivo para novembro \30\-02:00 2012

30
nov
12

Cavalera Conspiracy supera percalços e faz show para casa cheia e vibrante em SP

O Cavalera Conspiracy passou por São Paulo em novembro e saciou a vontade dos fãs do thrash metal que esperavam por um show dos irmãos Max e Igor num local fechado. Após uma série de imprevistos, que chegaram a provocar o cancelamento da apresentação agendada para o dia 17 no Via Marquês, o grupo conseguiu remarcar o show para o dia 18 no pequeno e interessante Cine Jóia, com capacidade para 1.500 pessoas.

Com a casa cheia, a banda teve uma performance digna dos bons tempos dos irmãos fudadores do importantíssimo Sepultura.

O show no Cine Jóia era uma boa oportunidade para o Cavalera mostrar como se comportava sendo a atração principal. Nas duas outras oportunidades que esteve no Estado de São Paulo, a banda não era o nome mais importante dos eventos que participou e, com isso, fez apresentações bem mais curtas do que o público desejava.

Em 2010, no SWU Festival, o show do grupo foi colocado num horário que impediu quem trabalhou no dia de ver a banda pela primeira vez no Brasil. Era uma segunda-feira, véspera de feriado, e o horário agendado ficou para antes das 19 horas, algo impensável para quem trabalhava em São Paulo e precisava pegar a Marginal Tietê para chegar a Itu. Em 2011, a banda foi grata surpresa na abertura da apresentação do Iron Maiden no Morumbi. O show foi ótimo, mas o fã de thrash foi obrigado a chegar muito cedo ao Estádio e viu, com certeza, bem menos músicas do que assistiria, se apresentação principal fosse só do Cavalera.

A despeito de toda a confusão que quase evitou que o púbico tivesse a oportunidade de ver o grupo em 2012 na capital paulista, a movimentação na porta do Cine Jóia antes do show indicava que a procura por ingressos era grande. Filas nas bilheterias davam sinais que a casa poderia ter um bom número de pessoas, como de fato aconteceu a seguir.

Depois da abertura da banda Worst, o Cavalera Conspiracy finalmente subiu ao palco, às 22h20, para delírio dos fãs. Além de Max Cavalera nos vocais e guitarras e Igor Cavalera na bateria, o grupo veio composto pelo talentoso norte-americano Marc Rizzo na guitarra principal e por Tony Campos no baixo, para surpresa de quem havia visto o show no Morumbi no ano passado com Johny Chow no instrumento.

As duas primeiras músicas executadas foram “Warlord” e “Torture”, exatamente as mesmas que iniciam o mais recente álbum do grupo,  “Blunt Force Trauma”, que foi lançado em 2011. Com o som alto, especialmente da bateria de Igor, o Cavalera preparou o público para o que viria a seguir.

Na pista do Cine Jóia, rodas já se abriam, mostrando que aquele era o caminho certo. “Abre a roda aê”, ordenava Max, que logo emendou a ótima “Inflikted”, do disco de estreia, de nome idêntico, lançado em 2008. “Inflikted!  Show no mercy! Muthafuckin’ wicked”, repetia a galera, no refrão potente da música.

O ambiente do Cine Jóia remetia aos tempos anteriores ao lançamento do álbum “Arise”, quando o Sepultura ainda conquistava território no mundo do thrash. Era como se estivéssemos num show no saudoso Aeroanta, com a banda a poucos metros do público. Este jornalista teve, por sinal, o prazer de assistir ao show do Cavalera na primeira fila e viu o trabalho que os seguranças tiveram em alguns momentos da apresentação para segurar os fãs um pouco mais exaltados.

Falando em Sepultura, foi com “Refuse/Resist” que o Cavalera Conspiracy atingiu o primeiro grande momento do show. Com esta música, o público vibrou demais e cantou cada sílaba deste grande clássico do heavy metal. Em mais um dos inúmeros pedidos feitos por Max para a abertura da roda, rolou mosh para todo o lado e os menos acostumados até se assustaram com a energia da galera.

Sem deixar que o público respirasse, o grupo emendou mais duas da fase do Cavalera: “Sanctuary” e “Terrorize”, do álbum de estreia. Ambas as músicas, com um som apocalíptico, mantiveram a platéia ligada e agitada, respondendo cada vez mais aos incentivos de Max, ainda um dos maiores frontmen da história do rock pesado.

O grupo mesclava bem os sucessos do Sepultura com as boas músicas atuais do Cavalera. O hino “Territory”, lançado no longínquo ano de 1993, mais uma vez empolgou os fãs e mostrou que, apesar de completar 20 anos, continua extremamente atual, dado o cenário de novos conflitos no Oriente Médio.

Cavalera Conspiracy em SP - Tony Campos - Foto: Reprodução YouTubeCavalera Conspiracy em SP - Max Cavalera - Foto: Reprodução YouTubeCavalera Conspiracy em SP - Foto: Reprodução YouTubeCavalera Conspiracy em SP - Marc Rizzo - Foto: Reprodução YouTube

Depois de “Territory”, os músicos vieram com mais três da fase Cavalera: “Killing Inside” e “Blunt Force Trauma”, do mais recente disco, e “Black Ark”, do álbum de estreia. Na primeira, Max até largou a guitarra de lado para pegar o microfone na mão e conduzir mais uma vez o público, como se fosse uma espécie de líder espiritual. Aliás, a cena dele jogando água na plateia, como se fosse um padre com água benta, foi uma das mais engraçadas da noite.

Em “Black Ark”, o show contou com um momento histórico e bem interessante, já que os filhos de Max ajudaram o pai nos vocais, com gritos animalescos. É interessante notar que a família tem o talento natural para a música pesada. Os dois garotos não fizeram feio e deram a impressão que, se seguirem os passos do pai e do tio, terão sucesso também.

Na sequência, o público voltou mais uma vez no tempo com a dobradinha matadora dos tempos do Sepultura. Nada menos que “Arise”, com um trecho de “Dead Embryonic Cells”, deixou todos no Cine Jóia alucinados e boquiabertos com a maneira como Igor Cavalera massacrou a bateria, como nos bons grandes momentos daquela banda que um dia peitou Slayer e Metallica na cena internacional do thrash metal.

Mais presentes estavam por vir, já que “Wasting Away”, do projeto paralelo Nailbomb, que Max criou na década de 90, também foi executada, deixando a galera completamente alucinada. O caos já reinava na pista e o Cavalera Conspiracy ainda trouxe mais Sepultura com a dobradinha de “Desperate Cry” e “Propaganda”, que parecia que iria derrubar o Cine Jóia. Max, por sinal, trocou o tradicional bordão “Vamos detonar essa porra” por “Vamos destruir essa porra”, deixando os fãs ainda mais doidos.

Se você pensa que o público já estava cansado depois de tanto barulho e energia, está completamente enganado. Tirando forças extras, a plateia seguia na maratona de thrash do Cavalera Conspiracy, que havia prometido tocar um set list mais longo para compensar toda a confusão com a organização do show. Após “I Speak Hate”, a banda emendou mais duas do Sepultura: “Attitude” e a ultraclássica “Troops of Doom”, que transformou a pista do show numa roda única de mosh!!

Quem conseguiu sobreviver a estes dois momentos sensacionais ainda ganhou de brinde mais uma participação especial da noite. Max chamou nada menos que Brann Dailor, baterista do grupo norte-americano Mastodon para assumir temporariamente as baquetas no lugar de Igor. Não bastasse a presença mais do que ilustre, a plateia teve o prazer de assistir a execução de “Six Pack”, música da banda de hardcore punk Black Flag.

Na sequência, a preferida do Sepultura deste jornalista: “Inner Self”, já com Igor de volta. Ela foi tocada depois de muitos pedidos do público, que aí já dava sinais de cansaço com cerca de uma hora e meia de show nas costas. Em pleno domingão, realmente, não havia preparo físico que suportasse tamanho gasto de energia…

Depois de uma breve pausa, o bis ficou por conta do hit “Roots Bloody Roots”, que ainda conseguiu arrancar uma pitada de força da plateia para pular quase até o teto, gritando a plenos pulmões o clássico refrão do Sepultura. A banda agradeceu a todos ainda no palco, com a presença de várias crianças da família Cavalera. Quem estava no Cine Jóia, tinha a certeza que havia visto uma grande apresentação, com o Cavalera Conspiracy fazendo antes de tudo um show digno e de qualidade para seus fãs.

Para quem foi ao Cine Jóia reviver os grandes momentos e para quem não foi ter uma noção do que aconteceu, o Roque Reverso selecionou vídeos no YouTube. Fique com a abertura da banda com “Warlord”. Depois, assista o Cavalera executando “Sanctuary”, “Arise” com “Dead Embryonic Cells” e “Inner Self”.

Set list

Warlord
Torture
Inflikted
Refuse-Resist (Sepultura)
Sanctuary
Terrorize
Territory (Sepultura)
Killing Inside
Blunt Force Trauma
Black Ark
Arise/Dead Embryonic Cells (Sepultura)
Wasting Away (Nailbomb)
Desperate Cry/Propaganda (Sepultura)
I Speak Hate
Attitude(Sepultura)
Troops of Doom (Sepultura)
Six Pack (Black Flag)
Inner Self (Sepultura)

Roots Bloody Roots (Sepultura)

27
nov
12

Rage Against The Machine comemora 20 anos do álbum de estreia com box especial

O dia 27 de novembro é marcado pelo aniversário do lendário e saudoso guitarrista Jimi Hendrix, mas também foi a data escolhida pelo Rage Against The Machine para o lançamento de um box comemorativo de 20 anos do álbum homônimo de estreia da banda norte-americana. Batizado como “Rage Against The Machine – XX”, o cobiçado box traz o disco original remasterizado com três faixas bônus ao vivo, acompanhado de diversos extras divididos em diversos formatos.

O pacote mais completo traz dois CDs, dois DVDs, um LP de vinil de 12 polegada, um livreto de 40 páginas  e um pôster de dois lados. O segundo CD citado traz o som da fita demo original, gravada em 1991 e vendida na época por US$ 5,00 nos primeiros shows da banda.

O primeiro DVD traz um show histórico gravado em junho de 2010 no Finsbury Park , em Londres. Na ocasião, o RATM fez apresentação de graça como forma de agradecimento aos  fãs britânicos por fazerem o hino “Killing In The Name” o single número 1 do país  durante o Natal de 2009.

O segundo DVD traz vídeos de vários shows da banda realizados entre 1991 e 1994, durante o lançamento do primeiro álbum.

O disco que completa 20 anos é um dos maiores da história do rock. Lançado em 3 de novembro de 1992, “Rage Against The Machine” trouxe uma banda com a fúria necessária para conquistar uma legião de fãs por meio de letras raivosas, polêmicas e politizadas.

Tudo isso aliado a um som que mesclava funk, pitadas de heavy metal e várias intepretações que também bebiam na fonte do hip hop. É item obrigatório para qualquer fã de boa música e que gosta de letras que tenham algo a dizer.

Para quem quer ter uma pequena noção do que vem no primeiro DVD, já circula no YouTube um vídeo de “Bullet in the Head” que foi gravado no Finsbury Park. Veja abaixo e sinta o drama!

 

25
nov
12

Destruction volta ao Brasil para shows em 2013

A respeitada banda de thrash metal Destruction volta ao Brasil para shows em 2013. Segundo o site oficial do grupo alemão são, por enquanto, seis datas anunciadas para o País entre o final de janeiro e o começo de fevereiro. A passagem pelo território nacional começará no dia 29 de janeiro em Brasília (TBA) e chegará no dia 31 em Belo Horizonte (Music Hall). Em fevereiro, será a vez Catanduva (Buffet Mazzi) no dia 1º; de Recife (Clube Internacional do Recife) no dia 2; São Paulo (Via Marquês) no dia 3; e Porto Alegre (Beco) no dia 5.

O valor dos ingressos e locais para vendas serão divulgados em breve.

A banda alemã passou pelo Brasil em 2012 no vergonhoso Metal Open Air. Foi uma das poucas que conseguiram se apresentar no festival, com um dos melhores shows.

O público brasileiro terá, por sinal, a oportunidade conferir músicas novas do grupo, já que os alemães estão lançando agora em novembro um novo álbum, via Nuclear Blast. “Spiritual Genocide” é o décimo segundo disco da banda, que comemora 30 anos de carreira neste ano.

Para os fãs do Destruction, o Roque Reverso descolou no YouTube o vídeo oficial da música “Carnivore”, a nona de um total de 11 faixas gravadas no novo trabalho. Para quem gosta de algo mais antigo, fique também com o vídeo ao vivo de “Thrash Till Death”, presente no DVD “A Savage Symphony – The History of Annihilation”, de 2010, que retratou o grupo no Wacken Open Air de 2007.

24
nov
12

3 anos de Roque Reverso!!!!!

Roque Reverso está completando 3 anos de existência neste sábado!!! Quando comemoramos o primeiro aniversário, o total de mais de 26 mil acessos já foi uma grande alegria. Depois, quando chegamos ao segundo ano, vibramos com os mais de 83 mil alcançados. Agora, já ultrapassamos os 155 mil acessos e a responsabilidade só aumenta!!!!

Há quem possa até achar que é clichê ou que estamos fazendo média com o leitor, mas aquele discurso que fazemos a cada aniversário é totalmente verdadeiro!

A cada acesso computado e a cada busca no Google que acaba caindo neste blog, é imensa a nossa satisfação de poder estar levando informação e divertimento aos tantos fãs deste bom e velho rock n’ roll.

Aqui você pode acompanhar os mais recentes lançamentos de diversas vertentes do rock; ver algumas curiosidades de alguns dos astros roqueiros; além de ter acesso à cobertura dos grandes shows que passam pelo País ou daquelas apresentações que os veículos mais badalados pouco prestigiam, especialmente do rock mais pesado.

Agradecemos a você, leitor, por escolher o Roque Reverso com um companheiro de leituras! Também não podemos deixar de lembrar da força que os parceiros de longa data, o renomado site Whiplash! e o prestigiado Combate Rock, costumam dar, quando aproveitam nosso material!! Agora, rumo ao quarto ano de existência, nossa missão é simplesmente seguir em frente, tentando melhorar o conteúdo deste veículo diariamente.

Para quem ainda não sabe, o Roque Reverso também está no Facebook e no Twitter, locais onde, muitas vezes, a comunicação é feita de uma maneira mais rápida. No Facebook, temos uma galeria de fotos de shows que acompanhamos. A maioria das fotos são fornecidas pelas organizadoras das apresentações e mostra excelentes trabalhos de grandes profissionais. Há um álbum específico para cada show!

Mais uma vez, agradecemos aos amigos que sempre nos incentivaram; aos outros novos amigos que conhecemos em shows de rock e arriscaram entrar aqui para conhecer nossos textos; e ao grupo de amigos online que nunca vimos pessoalmente, mas que participa das nossas discussões deste espaço ativamente.

Sempre retiramos do YouTube algum presente para comemorar a nossa data. E, desta vez, não será diferente…

Como um dos destaques do Roque Reverso é o mundo dos shows de rock, decidimos incluir vídeos completos de algumas apresentações memoráveis que passaram aqui pelo Brasil nestes 3 últimos anos. Para começar, fique com o show histórico que o Rage Against the Machine realizou no SWU em 2010. Depois, veja apresentação de Paul McCartney no Estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro, em 2011. Para completar, assista ao vibrante show que o Foo Fighters realizou em 2012 na primeira edição do Lollapalooza em São Paulo!

23
nov
12

Álbum de inéditas de Jimi Hendrix será lançado em março de 2013

O maior guitarrista de todos os tempos morreu há mais de 40 anos, mas suas relíquias continuam sendo descobertas. Desta vez, Jimi Hendrix voltará ao centro das atenções com o lançamento de um álbum de inéditas previsto para março de 2013, mas precisamente no dia 5. “People, Hell and Angels” terá 12 músicas gravadas entre 1968 e 1969.

O material deveria fazer parte de “First Days Of The New Rising Sun”, disco duplo que sucederia “Electric Ladyland”, de 1968, se Hendrix não tivesse morrido de overdose no dia 18 de setembro de 1970, aos 27 anos.

Segundo reportagem da revista norte-americana Rolling Stone, o detalhe importante deste álbum póstumo de inéditas é que Hendrix vai além de sua magia com a guitarra, experimentando também metais, teclados e percussão.

22
nov
12

Down confirma volta ao Brasil para show em SP em abril de 2013

O grupo norte-americano Down confirmou que voltará em abril de 2013 ao Brasil para uma única apresentação em São Paulo. De acordo com a produtora Free Pass Entretenimento, a banda tocará no Carioca Club no dia 10, uma quarta-feira. Antes, os músicos já haviam anunciado shows em Buenos Aires, na Argentina, para o dia 11 de abril, e em Santiago, no Chile, para o dia 13.

As apresentações promovem o lançamento do  “Down IV Part 1 – The Purple EP”, mais recente trabalho da banda que foi lançado em setembro de 2012. O EP é o primeiro trabalho de inéditas do grupo desde o álbum “Down III: Over the Under”, de 2007.

Além do excelente vocalista Phil Anselmo (ex-Pantera) à frente, o Down continua com sua formação de alto calibre que deixou os brasileiros de boca aberta no SWU de 2011: Pepper Keenan (guitarra), Jimmy Bower (bateria), Kirk Windstein (guitarra) e Pat Bruders (baixo).

Com a volta ao Brasil, quem não conseguiu ver aquela histórica apresentação no festival, poderá ter uma nova oportunidade de apreciar um grande show.

Pela importância da banda, o Roque Reverso já avalia que o Carioca Club não é a casa mais indicada para a apresentação por causa de sua limitada capacidade, para apenas 1.700 pessoas. Qualquer conhecedor do rock pesado sabe muito bem que o grupo de Phil Anselmo é capaz de encher casas maiores, como o HSBC Brasil ou até o Via Funchal.

Mas a maior reclamação, que já pode ser vista nas redes sociais, está ligada ao preço dos ingressos: incríveis R$ 260,00 para a Pista e R$ 360,00 para o Camarote, com possibilidade de meia-entrada. Quem assistiu às apresentações do Nuclear Assault, do Testament e do Annihilator no mesmo Carioca Club lembra muito bem que os ingressos não custaram nem a metade destes valores. Talvez sejam as entradas mais caras da história roqueira desta casa originalmente destinada a shows de pagode.

O início das vendas está agendado para o dia 28 de novembro de 2012. Segundo a Free Pass, não serão cobradas taxas de serviço ou conveniência no site e pontos de venda.

As vendas online estão programadas para acontecer somente pela Ticket Brasil, pelo link www.ticketbrasil.com.br/show/down-sp, em até 12 vezes no cartão (Visa/Master) ou à vista por boleto bancário.

Os pontos de venda são a própria bilheteria do Carioca Club (Fone: 3813-8598); a loja Hole, na Galeria do Rock; a Microcamp da Casa Verde (Rua Bernardino Fanganiello , 253); além das lojas Sick’n’Silly (Alameda Jaú, 1529), Chilli Beans (Rua Carlos Weber, 654 – Vila Leopoldina), Metal Music de Santo André (Rua Dona Elisa Fláquer, 184), Age Of Dreams de São Bernardo (Avenida Marechal Deodoro, 1754 – 2º Andar loja 33/36) e a Lakau Surf (Shopping Guarulhos).

Para comemorar a volta do Down, dois vídeos descolados no YouTube. Assista novamente abaixo o clipe de “Witchtripper”, do novo EP, que os leitores do Roque Reverso já haviam visto por aqui. Veja também o vídeo de “Stone The Crow”, do primeiro e melhor álbum do grupo, “NOLA”, de 1995.

21
nov
12

Rolling Stones lançam clipe de ‘Doom and Gloom’, faixa de coletânea comemorativa de 50 anos

Os Rolling Stones liberaram no YouTube o videoclipe da música “Doom and Gloom”. A faixa havia sido lançada em outubro e faz parte da coletânea “GRRR!”, que comemora os 50 anos da banda e chegou às lojas no dia 12 de novembro. O clipe tem a direção do sueco Jonas Akerlund, que tem no currículo trabalhos com Maroon 5, Christina Aguilera, Britney Spears, Ozzy Osbourne, Madonna, Lady Gaga, entre outros nomes da música pop.

Bem no estilo da agitada música, o clipe tem cenas de zumbis, cabeças explodindo e seios expostos, num cenário bem caótico. Além de Mick Jagger, Keith Richards, Ron Wood e Charlie Watts, a atriz sueca Noomi Rapace, que trabalhou no filme “Prometheus”, participa na maioria das cenas.

“Doom and Gloom” é uma das duas faixas inéditas da coletânea “GRRR!”. A outra é “One More Shot”, que você também ouviu aqui no Roque Reverso no começo de novembro.

Os Stones estão ensaiando para cinco megashows comemorativos que devem acontecer em novembro e dezembro no Reino Unido e nos Estados Unidos. Com essas apresentações, a banda afastou a possibilidade de passar em branco nos palcos justamente num ano tão importante para sua carreira.

Veja abaixo o clipe novo dos Stones:




Se você tem interesse na divulgação da sua empresa, seu trabalho ou banda, o Roque Reverso é um veículo que possui um respeitável número de leitores. Entre em contato conosco para conhecer nossos diversos planos:  roquereverso@hotmail.com

Preencha abaixo para receber atualizações do nosso site em primeira mão e gratuitamente pelo seu e-mail! Não se esqueça de confirmar o recebimento do e-mail depois.

Junte-se a 104 outros seguidores

novembro 2012
D S T Q Q S S
« out   dez »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Arquivos

Roque Reverso no Twitter

Bandas, estilos, festivais, etc

O Roque Reverso está no ar!!!

Seja bem-vindo ao blog do rock and roll! Clique para acessar o post de abertura do blog!

Post inicial

SOBRE VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

SOBRE OS VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

Categorias