23
nov
14

Ouça mais 2 faixas novas do novo álbum do Smashing Pumpkins: ‘Tiberius’ e ‘Drum + Fife’

Billy Corgan - Foto: WikipédiaO grupo The Smashing Pumpkins continua em pleno processo de divulgação do novo álbum “Monuments to an Elegy”, previsto para chegar ao público no dia 9 de dezembro. Depois da liberação das faixas “Being Beige” e “One and All”, a banda divulgou no YouTube mais duas músicas: “Tiberius” e “Drum + Fife”.

Enquanto “Tiberius” é mais agitada, “Drum + Fife” vai mais na linha melodiosa e cadenciada.

O disco “Monuments to an Elegy” sucederá “Oceania”, de 2012. Os dois álbuns fazem parte do projeto “Teargarden by Kaleidyscope”, que é, na verdade, um conjunto de 44 músicas que têm sido lançadas desde o fim de 2009 pela banda norte-americana.

A produção do novo trabalho do Smashing Pumpkins fica por conta da trinca formada por Howard Willing, Jeff Schroeder e de Billy Corgan, líder, vocalista e guitarrista da banda.

Vale lembrar que, conforme veiculado pela mídia em maio, “Monuments to an Elegy” conta com a participação de ninguém menos que Tommy Lee, do Mötley Crue, obviamente na bateria.

Também é importante destacar que o Smashing Pumpkins foi anunciado como atração do Lollapalooza 2015, festival que acontecerá em São Paulo, nos dias 28 e 29 de março, no Autódromo de Interlagos.

Escute abaixo as duas novas músicas do Smashing Pumpkins, primeiro “Tiberius” e depois “Drum + Fife” :

21
nov
14

Soundgarden libera música inédita que integrará coletânea de raridades

Soundgarden - Reprodução da Foto da nova coletâneaO Soundgarden liberou no YouTube mais uma música inédita para os fãs. “Kristi” integrará a coletânea “Echo of Miles: Scattered Tracks Across The Path”, que tem o dia 24 de novembro como data prevista de lançamento.

A compilação trará faixas do Soundgarden nunca lançadas, além de sons instrumentais, covers e versões demos.

“Kristi” foi gravada durante as sessões do disco Down On The Upside, de 1996.

“Echo of Miles: Scattered Tracks Across The Path” virá distribuída em formato de 3 CDs.

O disco 1, denominado “Originais”, tem músicas escritas pelo grupo de Seattle, principalmente “Lados B”, além de “Kristi” e da canção “Storm”, que o leitor do Roque Reverso ouviu aqui.

O disco 2, “Covers”, como o próprio nome diz, é composto de músicas de bandas que o grupo ama e admira, como os Beatles, o Stones, The Doors e The Stooges, entre outros.

O disco 3, “Singularidades”, está repleto de instrumentais, remixes e demos.

O Soundgarden se apresentou pela primeira vez no Brasil em abril deste ano no Lollapalooza, em São Paulo. Na ocasião, a banda fez um bom show e preencheu uma lacuna histórica com os brasileiros.

Ouça a nova música do Soundgarden:

20
nov
14

Faith No More divulga primeira música de novo álbum que romperá hiato de 18 anos

Faith No More - Foto: DivulgaçãoO Faith No More já está com música nova. Confirmando as informações que o baixista Billy Gould deu à imprensa em setembro, a faixa “Motherfucker” já pode ser ouvida neste endereço no SoundCloud.

A canção será oficialmente lançada no dia 28 de novembro e dá sinais de como poderá ser o álbum de inéditas, ainda sem título definido, que o grupo de Mike Patton trará em abril de 2015.

“Motherfucker” estreou, na verdade, ao vivo, em show que o Faith No More realizou em julho deste ano no Hyde Park, em Londres.

O single virá em formato de vinil de sete polegadas  limitado em 5 mil cópias, como parte da Black Friday do Record Store Day, evento criado para celebrar a sobrevivência das lojas de discos independentes.

A versão digital de “Motherfucker” já está em pré-venda no iTunes.

No disco novo do Faith No More será em 2015 o primeiro em 18 anos. O último disco de estúdio lançado pelo Faith No More foi “Album of the Year”, de 1997. No ano seguinte o grupo chegou a dar um tempo e voltou à ativa apenas em 2009.

Desde então, a banda vem se reunindo esporadicamente para turnês curtas e festivais específicos. Em 2009 e 2011, o Faith No More passou pelo Brasil para tocar, respectivamente, nos festivais Maquinaria e SWU. Quem teve o prazer de acompanhar as apresentações sabe que os músicos continuam com tudo e que Mike Patton permanece como um dos maiores frontmen da história do rock.

De acordo com Gould, o disco será realizado de maneira totalmente independente. Em setembro, ele disse que o álbum seria produzido pelo baixista, gravado no estúdio de ensaio da banda em Oakland (EUA) e lançado pelo selo próprio, Reclamation Records.

18
nov
14

Venda de 100 mil Rock in Rio Cards durou apenas 1h40; ingressos agora somente em abril de 2015

Rock in Rio Cards - Reprodução de Figura IlustrativaComo já era imaginado, a venda especial do Rock in Rio Card durou pouco tempo. Conforme os organizadores do festival, os 100 mil ingressos que foram colocados à disposição do público terminaram em apenas 1 hora e 40 minutos desta terça-feira, dia 18 de novembro.

O Rock in Rio Card equivale a um ingresso antecipado e que garante a entrada no evento antes mesmo da confirmação de todas as bandas e atrações. Quem adquiriu esse cartão terá um prazo para escolher em qual dia do festival usará a entrada: de 2 de fevereiro até 2 de abril de 2015.

As vendas para o público em geral começam logo após o término do tempo de escolha de quem comprou o Rock in Rio Card, em abril do ano que vem.

O valor que foi cobrado para o Rock in Rio Card foi estipulado em R$ 320,00 (inteira) e R$ 160,00 (meia-entrada). Durante os momentos iniciais da venda nesta terça-feira, o site Ingresso.com teve problemas técnicos por conta do grande fluxo de acesso ao serviço.

“Estamos muito felizes e queremos agradecer ao público por essa adesão única ao Rock in Rio”, disse Roberta Medina, vice-presidente do festival, em um comunicado oficial. “Agradecemos aos fãs do evento pela paciência com os problemas apresentados no site de venda. Estamos muito empenhados para entregar o melhor Rock in Rio de todos os tempos em 2015, ano em que completamos 30 anos. Será um momento de festa e muita celebração”, prometeu.

Conforme já noticiou o Roque Reverso, o evento que comemorá os 30 anos do festival será realizado no Rio de Janeiro em setembro, nos dias 18, 19, 20, 24, 25, 26 e 27.

Até o momento, só foram conhecidos três nomes para o evento: o System of a Down, anunciado na véspera da comercialização do Rock in Rio Card, e mais duas atrações que nada tem a ver com o rock, a cantora pop Kate Perry e o artista John Legend, do estilo R&B.

17
nov
14

Rock in Rio anuncia System of a Down como atração da edição de 2015 no Brasil

System of a Down - Foto: Divulgação Rock in RioA organização do Rock in Rio anunciou nesta segunda-feira, dia 17 de novembro, o System of a Down como mais uma atração da edição de 2015 que acontecerá no Brasil na capital fluminense.

O grupo norte-americano é o primeiro nome divulgado que honra o nome do festival, já que anteriormente só haviam sido feito o anúncio da cantora pop Kate Perry e do artista John Legend, do estilo R&B.

Será a segunda vez que o System of a Down participa do Rock in Rio no Brasil. Em 2011, a banda formada por descendentes de armênios tocou na última noite do festival e fez um grande show.

O Rock in Rio de 2015  comemorá os 30 anos do festival. Será realizado no Rio de Janeiro em setembro, nos dias 18, 19, 20, 24, 25, 26 e 27. Até o momento, não há informação das datas de cada atração.

O anúncio do System of a Down aconteceu um dia antes do início das vendas do Rock in Rio Card, cartão que equivale a um ingresso antecipado e que garante a entrada no evento antes mesmo da confirmação de todas as bandas e atrações.

A vendas para esse tipo de entrada começam a partir das 10 horas do dia 18 de novembro, no site oficial do festival (www.rockinrio.com.br), por meio da Ingresso.com.

Dessa vez, serão colocados à venda 100 mil unidades de Rock in Rio Cards, o que representa um total de 20 mil ingressos a mais em relação à última edição, de 2013.

O valor estipulado é de R$ 320,00 (inteira) e R$ 160,00 (meia-entrada).

Quem adquirir um dos Rock in Rio Cards terá um prazo para escolher em qual dia do festival usará a entrada: de 2 de fevereiro até 2 de abril de 2015. Além disso, a primeira leva de Cards tem limite de quatro ingressos por CPF (sendo apenas um deles meia-entrada). As vendas para o público em geral começam logo após o término do tempo de escolha de quem comprou o Card, somente em abril do ano que vem.

Vale lembrar que, em 2013, a venda antecipada do Rock in Rio Card foi encerrada em apenas 52 minutos, quando os 80 mil ingressos disponíveis esgotaram.

16
nov
14

Lollapalooza anuncia atrações de 2015; Robert Plant, Jack White e Smashing Pumpkins são os destaques

Lollapalooza 2015 - Reprodução do Cartaz de AnúncioA organização do Lollapalooza confirmou neste domingo, dia 16 de novembro, as atrações da edição de 2015. Entre os principais nomes do rock, os destaques são Robert Plant, ex-vocalista do Led Zepellin, Jack White e o Smashing Pumpkins.

O festival será realizado nos dias 28 e 29 de março na cidade de São Paulo.

Tal qual a edição de 2014, o local escolhido para o próximo ano é o Autódromo de Interlagos, que acabou agradando a maior parte do público, apesar da distância entre os palcos.

Também fazem parte das atrações principais figuras como Pharrell Williams e Calvin Harris, além de Skrillex, Bastille, Foster The People, Kasabian, Alt-J, Interpol, Steve Aoki e Major Lazer.

Completam a escalação os seguintes nomes: Marina and the Diamonds, The Kooks, KONGOS, The Chainsmokers, Rudimental, Fitz and the Tantrums, St. Vincent, Dillon Francis, SBTRKT, Childish Gambino, Young The Giant, Pitty, Banda Do Mar, Ritmo Machine, Molotov, DJ Snake, Carnage, Three Days Grace, O Terno, Mombojó, Boogarins, Bula, Far From Alaska, Victor Ruiz AV Any Mello, Big Gigantic, Fatnotronic, Vintage Culture, Baleia, Nem Liminha Ouviu, DJ Anna, E-cologyk Vs Jakko, Chemical Surf e Scalene.

Os ingressos para o Lollapalooza 2015 estão sendo vendidos desde o dia 24 de setembro. As entradas agora estão em segundo lote, com o Lolla Pass com o valores definidos de R$ 660 (inteira) e R$ 330 (meia-entrada).

Importante lembrar que o Lolla Pass dá acesso aos dois dias de festival. Os organizadores prometem informar em breve a partir de quando começarão a ser vendidas as entradas que dão direito a dias isolados do evento, o Lolla Day.

A Time For Fun já adiantou, porém, que o valor do Lolla Day no primeiro lote será de R$ 340 (inteira) e R$ 170 (meia-entrada). Para o segundo lote, será de R$ 380 (inteira) e R$ 190 (meia-entrada).

Quem prefere aproveitar o festival de uma maneira ainda mais requintada, já poderá comprar também desde o dia 24 de setembro o serviço exclusivo do Lolla Lounge, também em um pacote para os dois dias. Por R$ 800,00, ele oferece transporte até o autódromo, open bar, snack bar, buffet de jantar, área de relax, banheiros exclusivos e after party de uma hora após o término do festival.

Os ingressos do Lote 2 do Lolla Pass (2 dias de festival) e o pacote de dois dias do Lolla Lounge estão sendo vendidos pela internet (www.ticketsforfun.com.br), na bilheteria do Citibank Hall em São Paulo (Av. das Nações Unidas, 17.955 – Santo Amaro) e nos pontos de venda em todo o país. A compra pode ser parcelada em até 3 vezes nos cartões aceitos pela Tickets For Fun.

O Lollapalooza teve três edições com sucesso de público em 2012, 2013 e 2014 no Brasil. Se, no primeiro ano, a grande atração foi o ótimo show do Foo Fighters, em 2013, o festival contou com apresentações memoráveis do Queens of The Stone Age e do Pearl Jam. Em 2014, também ficaram marcadas apresentações como as do Soundgarden, New Order e do Arcade Fire.

15
nov
14

Impasse entre produtora e banda gerou cancelamento da turnê que o D.R.I. faria no Brasil

DRI - Reprodução do CartazQuem acompanha do Roque Reverso ficou sabendo em outubro que o D.R.I. faria uma nova turnê por cidades brasileiras no mês de novembro. O problema é que um impasse entre o grupo norte-americano e a produtora acabou gerando o cancelamento das apresentações no País.

Do lado da banda, um comunicado no Facebook trouxe a informação de que a produtora Open the Road teria concordado fazer um pagamento ao D.R.I. trinta dias antes da turnê, mas depois teria se recusado a cumprir o acordado.

“Nem sequer um dólar…… Então D.R.I. cancela a turnê devido ao não pagamento e quebra de contrato!”, escreveram os músicos no Facebook.

Do lado da produtora, a informação é diferente. Conforme comunicado da Open the Road, o cancelamento aconteceu porque a banda não tirou os vistos de trabalho solicitados desde o inicio de outubro.

“Embora o senhor Spike Cassidy (guitarrista, e às vezes, manager da banda), tenha dito que a banda não viria por falta de pagamento, o que na verdade aconteceu, foi que ele se comprometeu a mostrar as cópias dos vistos, para que assim, recebessem”, destacou, em nota, a produtora.

Enquanto o comunicado do D.R.I. se resumiu a poucas linhas, a nota da Open the Road é bem extensa e traz até imagens da conversa entre a banda e a produtora por e-mail.

“Logo após ter ‘cancelado’ a tour, Spike enviou um e-mail, se comprometendo a pegar os vistos nessa segunda (03/11), onde teria o dinheiro combinado transferido, mediante essas cópias”, salientou a Open the Road. “Desde então, ele está incomunicável e simplesmente desapareceu. Mais uma vez agindo sem nenhuma preocupação com tudo que está envolvido em uma turnê (Fãs, Produtores, Investimento e Trabalho)”, complementou a produtora.

A Open the Road ainda informou que foram gastos “milhares de reais” em passagens áreas, reservas de hotéis, aluguel de casas de shows, equipamento, equipe técnica, material gráfico e anúncio, entre outros detalhes de divulgação.

Os shows do D.R.I. estavam agendados para Limeira, Londrina, São Paulo, Recife, Rio de Janeiro, Brasília e Porto Alegre, entre os dias 6 e 16 de novembro.

Quanto à devolução dos valores dos ingressos, a Open the Road destacou que todos que adquiriram os ingressos e precisam informações de como receber o dinheiro de volta terão o seguinte e-mail da produtora para saber como realizar o reembolso: opentheroadtour@gmail.com.

O D.R.I., que passou recentemente pelo Brasil em 2011 e 2013, hoje conta apenas com Spike Cassidy (guitarra) e Kurt Brecht (voz) da formação original. Harald Oimoen (baixo) e Brandon Karns (bateria) completam o grupo atualmente.




Se você tem interesse na divulgação da sua empresa, seu trabalho ou banda, o Roque Reverso é um veículo que possui um respeitável número de leitores. Entre em contato conosco para conhecer nossos diversos planos:  roquereverso@hotmail.com

Preencha abaixo para receber atualizações do nosso blog em primeira mão e gratuitamente pelo seu e-mail! Não se esqueça de confirmar o recebimento do e-mail depois.

Junte-se a 66 outros seguidores

novembro 2014
D S T Q Q S S
« out    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

Arquivos

Roque Reverso no Twitter

Categorias

SOBRE VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

SOBRE OS VÍDEOS COMPARTILHADOS DO YOUTUBE

O Roque Reverso está no ar!!!

Seja bem-vindo ao blog do rock and roll! Clique para acessar o post de abertura do blog!

Post inicial

Mais Avaliados

Estatísticas

  • 308,896 hits